Archive for agosto 9th, 2017

9 de agosto de 2017

Cicero Almeida assume comando do Podemos em Maceió

Deputado conquistou espaço também na Executiva nacional do partido

9 de agosto de 2017

Senado aprova: Juízes que violarem direitos de advogados serão punidos

Projeto neste sentido foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça

9 de agosto de 2017

Salário mínimo para 2018 será de R$ 979. O reajuste foi de 4,5%

Lei que assegura o reajuste foi sancionada nesta quarta no Planalto

9 de agosto de 2017

Michel Temer é vaiado em evento de comércio exterior no Rio de Janeiro

As vaias e o “fora Temer” aconteceram no fim do discurso dele

9 de agosto de 2017

Raquel Dodge depois das 10h da noite no Jaburu. Apenas para tratar da posse

Jaburu virou local de encontros norturnos inusitados

Rotas da corrupção: Quem vai colocar o guizo no gato da Sesau?

9 de agosto de 2017 • 8:21 am
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

A bomba que explodiu na Secretaria de Saúde do Estado (Sesau) nesta terça-feira, 08, tinha um pavio longo e já estava aceso há muito tempo. O estouro era inevitável.

A pasta sempre foi cobiçada em todos os governos e, ao longo dos anos, serviu de mimo para políticos colocarem dentro de seus departamentos mais importantes – e os menos também – os afilhados e apadrinhados.

A Sesau funciona como se fosse uma galinha dos ovos de ouro, graças ao volume de recursos que movimenta. Sobretudo verbas federais. O orçamento que administra é na ordem de R$ 10.2 bilhões, o que representa quase 5 vezes mais que o orçamento da Prefeitura de Maceió.

Assim, desperta muito interesse da classe política não só pelos empregos que proporciona aos cabos eleitorais, mas também pelo volume de compras que faz.

Em outros tempos, quando a transparência não existia, quando o Ministério Público não tinha o superpoder que hoje tem e quando a Polícia Federal só tinha olhos para “subversivos”, a Sesau elegia vereadores, prefeitos, deputados e até governadores só com dinheiro das propinas que por lá corriam e ainda correm feito leito de rio em direção ao mar.

O vício é grande e real. Obviamente, que não é obra da maioria dos servidores honestos e trabalhadores da casa. Mas, de um grupo seleto, colocado estrategicamente em lugares chaves para promoverem os desvios necessários. Isso vem de governos a governos.

Portanto, desvios de finalidade, fraudes em licitação, manipulação de interesses escusos, sempre foram ações rotineiras na Secretaria de Saúde, onde há especialistas em tocar ações criminosas, quase sempre a pedido de alguém para levar vantagem de alguma forma.

Não é por outra razão, que, a cada governo aparece gente de alta patente na política local interessada em comandar ou colocar preposto à frente da pasta.

Outras operações foram feitas por lá. Gente foi presa, outras perderam os empregos, mas não se sabe de nada que tenha colocado um freio em peixes graúdos nesse meio.

Eis que passou da hora de alguém colocar o guizo no gato por lá. Cabe, portanto, a sua excelência o governador Renan Filho aproveitar o momento e fazer a devida assepsia nos setores chaves da pasta.

Afinal, lá todos sabem, desde crianças, quais são as rotas da corrupção.