Archive for Fevereiro 13th, 2018

Considerado descobre que Batoré foi expulso de casa pelo Padrasto Rola Cansada

13 de Fevereiro de 2018 • 1:20 pm

Considerado decidiu não cair na folia neste carnaval. Para não perder o costume foi para a casa da avó Nildinha, por que lá tem tudo à mão. Desde a cerveja gelada ao caldinho de mocotó, que ele insiste em dizer que é “diet”.

Surpreendeu-se, no entanto, na segunda-feira, 12, com umas insistentes batidas na porta da casa. Foi atender e deu de cara com Batoré, o amigo de todas as horas.

O cara estava desolado. Era a depressão personalizada. Considerado assustou-se ao ver o amigo naquele estado. Que teria acontecido? Mandou-o entrar, sentar-se e lhe ofereceu um copo da cerveja que estava bebendo. Estranhou ainda mais quando o viu a recusa inusitada do parceiro.

-O que houve amigo “Ba”? Fez-se silêncio. Batoré não estava afim de conversar. Queria apenas um lugar para ficar e espantar a tristeza.

Considerado voltou a perguntar o que estava pegando. Precisava saber por que o parceiro estava naquele estado de fossa? O amigo admitiu que estava com um problema, mas não estava para falação.

Foi aí que dona Nildinha apareceu para saber o que passava em sua casa. Batoré não teve alternativa e, com os olhos marejados, falou de uma briga que teve com o Padrasto, Dr. Duarte.

-Briga em família é natural meu filho.

-Eu sei que é dona Nildinha, mas eu não esperava por essa.

-E o que aconteceu de fato?

-Não, é que “Papi” me botou para fora de casa.

Dona Nildinha olhou para o sobrinho, abriu os braços e determinou: -Olhe resolva isso que esse seu amigo está muito sensível.

Considerado logo se arretou:

-Que porra de Papi é essa Batoré?

-Ele é meu padrasto, mas eu o trato carinhosamente.

-Pare com essa frescura e desembuche logo!

Ele contou que a razão da briga estava em um negócio de família que tomava conta e um funcionário estava querendo mandar em seu lugar. Por isso criou uma confusão de tal ordem que a família se dividiu.

Eu gerenciava tudo e agora esse cara convenceu minha irmã, sócia majoritária, que ele era melhor no comando.

-E daí se o negócio também é seu?

-Mas meu padrasto também ficou do lado do cara.

-Então você anda fazendo alguma coisa errada com aquele dinheiro do Pronatec.

-Uma porra!

-O cara não ia lhe expulsar sem razão.

– Foi quando eu disse a mamãe que ele estava com uma galega no bloco “Rola Cansada” na Barra de São Miguel, enquanto ela ficava em casa.

-E não tinha um bloquinho melhor para seu Duarte não?

-Não. Por que aquilo é um rola cansada mesmo.

-Mas sua mãe não acha…

-Pelo visto, nem minha mãe, nem minha irmã…

-Ele pega ela também?

-Ele pega a sua avó, Filho da puta!


13 de Fevereiro de 2018

Cleo Pires mostra os seios em camarote e se diz ‘feiticeira do amor’

Atriz global disse que estava representando “a mágica do amor”

13 de Fevereiro de 2018

Plenário do STF vai decidir sobre reajuste de servidores federais

Governo Temer queria aumentar contribuição previdenciária e congelar os salários do pessoal