11 de novembro de 2016 • 10:07 am

Política

Almeida defende flexibilização da voz do Brasil e apoia o Futsal

Deputado integra a Frente Parlamentar de Defesa do Futebol de Salão

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A  proposta de flexibilização do horário de transmissão do programa de rádio “A Voz do Brasil”, cujo texto base foi aprovado Câmara dos Deputados na nesta terça-feira (8) foi considerada pelo deputado federal Cícero Almeida (PMDB) como uma iniciativa democrática para sociedade e os veículos de comunicação. hoje o programa é transmitido em cadeia nacional, obrigatoriamente das 19 às 20 horas.

Cícero: em noda voz e do Futsal

Cícero: em noda voz e do Futsal

O novo texto traz mudança significativa quando propõe que seja transmitido “entre 19 e 21 horas”. Ou seja, neste período, a critério de cada emissora.

Segundo Cícero Almeida o texto base foi aprovado, mas ainda faltam as votações dos destaques, para em seguida a matéria ser encaminhada ao Senado. Entende o deputado que a flexibilização do horário do programa permite que os ouvintes possam acompanhar em horários diferentes em outras emissoras

Futsal – O deputado é o mais novo integrante da Frente Parlamentar em Defesa do Futsal. Ele se integrou à frente esta semana, durante sessão na câmara com a participação do jogador Falcão, considerado o maior craque de futebol de salão do mundo, em todos os tempos.
Por ser um desportista, Almeida declarou que ingressou na frente parlamentar com muito orgulho, até por que foi procurado pelo jogador Falcão para apoiar a causa do futebol de salão, que depende de leis que regulamentem a profissão dos atletas.
Em uma semana corrida na Câmara, o deputado também participou de uma sessão solene em em homenagem aos 40 anos da Associação Brasileira de Shopping Centers.  Na oportunidade destacou que quando foi prefeito de Maceió trabalhou pela construção de dois shoppings na cidade, “que hoje empregam centenas de pessoas na capital alagoana”.

Deixe o seu comentário