14 de março de 2016 • 7:38 am

Brasil

Aos gritos, manifestantes expulsam Aécio e Alckmin da manifestação na Paulista

Eles foram xingados e chamadps de “corruptos” pelos manifesantes

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), foram hostilizados e aplaudidos por manifestantes ao transitarem com parlamentares de oposição na Avenida Paulista, zona central de São Paulo, nas manifestações anti-governo deste domingo (13).

Eles foram xingados

Eles foram xingados

Deputados como Mendonça Filho (DEM-PE) e Carlos Sampaio (PSDB-SP) e senadores como José Agripino (DEM-RN) acompanhavam os tucanos no instante dos xingamentos, de um lado, e aplausos e cumprimentos (veja no vídeo abaixo). Devido à situação, nem Aécio nem Alckmin discursaram no evento, que reuniu centenas de milhares de pessoas no centro de São Paulo.

Os xingamentos foram motivados por questões como o desvio de dinheiro nos contratos de fornecimento de merenda em São Paulo, no caso de Alckmin, e as constantes menções ao senador Aécio por delatores da Operação Lava Jato.

No meio do empurra-empurra, porém, houve quem se aproximasse e até cumprimentasse os tucanos, em manifestação de apoio ao trabalho deles como oposicionistas. Durante a caminhada, os parlamentares e o governador tiveram muita dificuldade em caminhar, tamanha era quantidade de manifestantes ao redor do grupo.

Deixe o seu comentário