28 de julho de 2016 • 10:54 am

Esportes » Maceió

Atacante do CRB, Zé Carlos, será indiciado por lesão corporal leve

De acordo com a delegada do caso, Fabiana Leão, o atacante reagiu com tranquilidade e disse que vai prestar queixa contra a jovem que o denunciou

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
zécarlos

Querido pela torcida alvirrubra, Zé Carlos terá que responder processo de lesão corporal leve

O atacante do CRB, Zé Carlos, acusado de agredir uma mulher na última segunda-feira, em um bar de Maceió esteve Delegacia da Mulher, no Centro da Capital, para depor e também informar que vai prestar queixa contra a denunciante. No fim da versão do jogador, a delegada do caso, Fabiana Leão, informou que o atleta será indiciado por lesão corporal leve.

Principal estrela do clube alagoano, o artilheiro reforçou a negativa de que tenha agido com violência a jovem de 22 anos. Acompanhado de seus advogados, Zé Carlos afirmou que o fato não passou de uma discussão e que o assunto está prejudicando o seu relacionamento familiar.

“A gente tá num local, que é fechado, que tem muita gente, tem empurra-empurra, eu só encostei nela, ela encostou em mim, e começou a falar palavras que eu não gostei. Mas eu não bati nela, sou muito sincero. Como homem e como pessoa que sempre assumi pelos meus erros, eu nunca vou me esconder. As pessoas precisam saber o que falam. É a minha imagem e a imagem da minha família. Estou passando um momento difícil dentro de casa. Eu estou muito chateado, principalmente pelo meu trabalho e pela minha honestidade. A minha consciência está tranquila e eu vou falar tudo que passei “, desabafou o atleta.

Responsável pela condução do caso, a delegada Fabiana Leão informou que o inquérito está encerrado e que o jogado do Clube de Regatas Brasil será indiciado por lesão corporal leve.

Ainda segundo a delegada, Zé Carlos reagiu com tranquilidade e vai responder voluntariamente na justiça, além de, também, prestar queixa contra a jovem que o denunciou.  “Acredito que a perícia deve apurar o fato completo. O caso aqui se deu por causa da denúncia dela”, finalizou Fabiana.

Deixe o seu comentário