2 de dezembro de 2015 • 9:24 pm

Educação

Audálio Dantas recebe titulo honoris causa da Uncisal

Audálio Dantas recebeu o título pelas mãos do Reitor da Uncisal, Jairo Campos.

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O jornalista alagoano Audálio Ferreira Dantas recebeu, na manhã desta quarta-feira (2), o título de Doutor Honoris Causa concedido pela Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal). A honraria é em reconhecimento por sua relevante atuação como jornalista na defesa dos direitos humanos e do trabalho em Alagoas. A solenidade foi realizada durante o último encontro dos Assessores de Comunicação do Governo do Estado, promovido pela Secretaria de Estado da Comunicação (Secom), no Palácio República dos Palmares.

Audálio Dantas recebeu o título pelas mãos do Reitor da Uncisal, Jairo Campos. “Estou voltando as minhas origens, repetindo o que disse ao receber o título da Ordem do Mérito Zumbi dos Palmares. Como alagoano que sou e me orgulho de ser, estou muito lisonjeado de receber um título importante como este. Aprendi o jornalismo lendo o também alagoano e escritor Graciliano Ramos, e é uma satisfação estar participando desta homenagem”, disse o jornalista.

Jairo Campos falou da satisfação de estar participando do evento. “Estamos homenageando dez homens alagoanos que, indiscutivelmente, deixaram seus nomes escritos, cada um em sua área de atuação. Temos muitos nomes incríveis no Estado, e Audálio é um desses nomes”, afirmou.

Na ocasião, Audálio Dantas falou sobre sua trajetória no jornalismo, focando na objetividade e clareza dos textos. “O grande escritor Graciliano Ramos disse: ‘Palavra não foi feita para brilhar, a palavra foi feita para dizer’, e é com essa frase que falo da objetividade que os textos devem seguir. Fazer jornalismo é uma atividade muito difícil. Eu sou um trabalhador da informação”, explicou.

O secretário de Estado de Comunicação, Ênio Lins, frisou que, como jornalistas, os assessores devem se inspirar em nomes como o de Audálio Dantas. “É a nossa última palestra do ano, vamos focar para que o ano de 2016 seja ainda mais produtivo que este ano”, acrescentou o secretário.

O jornalista alagoano Audálio Ferreira Dantas recebeu, na manhã desta quarta-feira (2), o título de Doutor Honoris Causa concedido pela Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal). A honraria é em reconhecimento por sua relevante atuação como jornalista na defesa dos direitos humanos e do trabalho em Alagoas. A solenidade foi realizada durante o último encontro dos Assessores de Comunicação do Governo do Estado, promovido pela Secretaria de Estado da Comunicação (Secom), no Palácio República dos Palmares.

Audálio Dantas recebeu o título pelas mãos do Reitor da Uncisal, Jairo Campos. “Estou voltando as minhas origens, repetindo o que disse ao receber o título da Ordem do Mérito Zumbi dos Palmares. Como alagoano que sou e me orgulho de ser, estou muito lisonjeado de receber um título importante como este. Aprendi o jornalismo lendo o também alagoano e escritor Graciliano Ramos, e é uma satisfação estar participando desta homenagem”, disse o jornalista.

Jairo Campos falou da satisfação de estar participando do evento. “Estamos homenageando dez homens alagoanos que, indiscutivelmente, deixaram seus nomes escritos, cada um em sua área de atuação. Temos muitos nomes incríveis no Estado, e Audálio é um desses nomes”, afirmou.

Na ocasião, Audálio Dantas falou sobre sua trajetória no jornalismo, focando na objetividade e clareza dos textos. “O grande escritor Graciliano Ramos disse: ‘Palavra não foi feita para brilhar, a palavra foi feita para dizer’, e é com essa frase que falo da objetividade que os textos devem seguir. Fazer jornalismo é uma atividade muito difícil. Eu sou um trabalhador da informação”, explicou.

O secretário de Estado de Comunicação, Ênio Lins, frisou que, como jornalistas, os assessores devem se inspirar em nomes como o de Audálio Dantas. “É a nossa última palestra do ano, vamos focar para que o ano de 2016 seja ainda mais produtivo que este ano”, acrescentou o secretário.

Deixe o seu comentário