22 de agosto de 2015 • 4:03 pm

Brasil

Aumenta a confusão na Lava Jato: o vice Michel Temer é citado

Lobista depõe e diz que Fernando Baiano representava os interesses de Temer, Renan e Cunha no esquema.

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Brasil -E de repente no emaranhado das investigações da Operação Lava Jato, o nome do vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), é citado por um delator.

O fato acontece exatamente quando surgem especulações sobre os movimentos de Temer, que estaria deixando a articulação política do governo Dilma para se preservar como eventual pólo de poder em caso de impeachment dela.

t surgiu um constrangimento. O nome de Temer foi citado pela primeira vez na Operação Lava Jato.

A citação veio a público neste sábado, num dos depoimentos do lobista Júlio Camargo, que representa os interesses do grupo Toyo Setal e foi um dos principais delatores do esquema. Júlio Camargo faturou mais de R$ 73 milhões no esquema de corrupção da Petrobrás.

“Havia comentários de que Fernando Soares era representante do PMDB, principalmente de Renan, Eduardo Cunha e Michel Temer. E que tinha contato com essas pessoas de irmandade”, disse Júlio Camargo, num depoimento que foi usado na acusação da procuradoria-geral da República contra o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Em nota, Temer se defendeu dizendo:. “Michel Temer não conhece Fernando Soares, nunca teve ou tem com ele qualquer relação ou contato de ‘irmandade’; também não conhece Júlio Camargo”, diz a nota”.

O vice-presidente disse que incentiva apurações sérias, profundas e responsáveis sobre os fatos. Apenas se insurge contra informações falsas e inverídicas”, concluiu o comunicado.

Fernando Soares é mais conhecido como Fernando Baiano. Nos meios politicos ele é apontado como o operador do PMDB.

Um dia depois de ser denunciado na Lava Jato, Eduardo Cunha procurou o vice-presidente Michel Temer. A interlocutores próximos, Cunha já afirmou que não cairá sozinho.

Deixe o seu comentário