17 de agosto de 2016 • 6:05 pm

Esportes

Brasil cumpriu sua obrigação ao golear a fraquíssima seleção de Honduras

Neymar liderou a goleada contra a equipe africana

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

A fraquíssima seleção de Honduras foi não foi páreo para a seleção brasileira. O Brasil tinha a obrigação de golear um time de amadores e foi o que fez. Ganhou por 6 a 0.

Neymar liderou o time.

Neymar liderou o time.

A mesma Seleção Brasileira contestada em suas duas primeiras partidas nas Olimpíadas do Rio de Janeiro – frustrantes empates por 0 a 0 com África do Sul e Iraque – foi ovacionada pelo público do Maracanã no início da tarde desta quarta-feira.

A torcida não esperava outro resultado. Sobretudo por que a chave do Brasil foi a mais fraca da competição. Em todo caso, a equipe comandada por Rogério Micale não tomou conhecimento de Honduras, construiu uma vitória por 6 a 0, com gols de Neymar (2), Gabriel Jesus (2), Marquinhos e Luan, e chegou à sonhada decisão.

Será a quarta final de um torneio olímpico de futebol masculino que o Brasil, ainda em busca da inédita medalha de ouro, disputará. Antes, o País foi derrotado em decisões pelo México em Londres 2012, pela União Soviética em Seul 1988 e para a França em Los Angeles 1984. Além dessas pratas, houve dois bronzes na história nacional, em Pequim 2008 e em Atlanta 1996.

A adversária da Seleção Brasileira deverá ser  a Alemanha, uma equipe um pouco mais forte. No entanto, por jogar em casa, o Brasil é favorito para ganhar a medalha de ouro. Alemanha está jogando agora com a Nigéria.

 

Deixe o seu comentário


Publicidade