6 de julho de 2015 • 1:57 pm

Esportes

Natação garante primeiro ouro do Brasil na Universíade

Gwangju (Coreia do Sul) – Com ótimas performances nos esportes individuais, o Brasil inaugurou neste domingo (5) o quadro de medalhas da Universíade 2015, que está sendo realizada em Gwangju,…

Por: Roberto Boroni
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
fotjump natacao

Henrique comemora a conquista do Ouro (Foto: Marcello Zambrana/Fotojump)

Gwangju (Coreia do Sul) – Com ótimas performances nos esportes individuais, o Brasil inaugurou neste domingo (5) o quadro de medalhas da Universíade 2015, que está sendo realizada em Gwangju, na Coreia do Sul. Henrique Martins venceu a final dos 50m borboleta e colocou a bandeira verde e amarela no lugar mais alto do pódio. Já o judoca Gustavo Assis foi o responsável por faturar a primeira medalha para seleção na 28ª edição dos Jogos Olímpicos Universitários. Ele foi bronze na categoria até 90 kg.

Medalhista de prata com o revezamento 4x100m livre há quatro anos, na China, o paulista Henrique Martins, de 23 anos, voltou ao campeonato universitário com um único objetivo: ganhar uma nova medalha. Finalista da prova com o segundo melhor tempo no geral, o atleta da Unisul simplesmente “voou” na decisão e ganhou o ouro com o tempo de 23.22, 0.22 a frente do bielorusso Yauhen Tsurkin.

“Depois da eliminatória de ontem, vimos que dava para ganhar esta medalha de ouro. Procuramos ajustar algumas coisas antes da final, meu técnico me deixou mais tranquilo e acabou dando tudo certo. Conquistei a medalha e fiz um ótimo tempo”, destaca Henrique, que conta sua evolução desde a prata em 2011. “A principal diferença é a experiência. Aqui, eu sabia tudo o que tinha que fazer. Entrei focado para competir e vencer. Lá era tudo muito novo, era minha primeira competição. Estava maravilhado com a Vila, fiquei deslumbrado com tudo” recorda o nadador, que ainda disputará em Gwangju as provas dos 50m e 100m livre, 50m costas e 100m borboleta.

No judô, coube ao estreante Gustavo Assis, de 20 anos, manter a trajetória vitoriosa da equipe brasileira na modalidade. O mineiro da Faculdade Pitágoras, campeão da LDU de Lutas, que valeu vaga para a Universíade 2015, alcançou o bronze após derrotar adversários do Quirguistão, Lituânia, Uzbequistão e República Checa. A única derrota foi para Khasan Khalmurzaev, da Rússia, que posteriormente levou o com o ouro.

“Foi uma luta dura, um adversário (checo David Klammert) que já conhecia, com um estilo tradicional europeu, mas eu o estudei com meus técnicos e consegui encaixar um golpe perfeito”, conta o brasileiro, que ficou surpreso com a competição na Coreia do Sul. “Não imaginava esse tamanho. Já havia ouvido falar na Universíade, mas quando cheguei aqui foi um baque. Está sendo muito legal”, complementa.
E por pouco a seleção brasileira não conseguiu mais medalhas no judô. Amanda Oliveira (até 70 kg) e Rafael Macedo (até 81 kg) chegaram a brigar pelo bronze, porém caíram na decisão.

Já nos esportes coletivos, o Brasil não conseguiu repetir o desempenho dos dias anteriores e sucumbiu aos adversários. No futebol masculino, o gol de Go Hayama deu a vitória simples ao Japão sobre a seleção. As equipes masculina e feminina de basquete do país e o vôlei feminino também sofreram o revés.

Resultados – 05/07:

Basquete Masculino: Brasil 72 x 81 EUA
Basquete Feminino: Brasil 81 x 86 Taipei
Futebol Masculino: Brasil 0 x 1 Japão
Vôlei Feminino: Brasil 2 x 3 Japão – 23/25, 25/23, 25/27, 25/23 e 13/15
Polo Aquático Masculino: Brasil 10 x 14 França
Tênis Masculino Simples: Victor Maynard (BRA) 0 x 2 Martin Redlicki (EUA) – 4/6 e 3/6
Tênis Masculino Duplas: Thiago Pinheiro/Victor Maynard (BRA) 0 x 2 Austin Rapp/Martin Redlicki (EUA) – 1/6 e 2/6

Quadro de medalhas – Ouro Prata Bronze Total

1º China 7 3 2 12
2º Japão 5 4 5 14
3º Coreia do Sul 4 6 6 16
4º França 4 2 3 9
5º EUA 4 0 2 6
6º Rússia 3 9 5 17
7º Itália 2 2 2 6
8º Brasil 1 0 1 2

Fonte: Ascom CBDU

Deixe o seu comentário