23 de junho de 2016 • 8:22 am

Maceió

Câmara pede suspensão de concurso da Prefeitura por suspeita de fraude

Onze vereadores assinaram o documento que foi enviado ao Ministério Público

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O vereador Silvânio Barbosa (PMDB) e mais 11 parlamentares, assinaram e aprovaram na sessão desta quarta-feira, 22, o pedido de suspensão provisória da seleção de pessoal realizada pela secretaria de Assistência Social de Maceió, através da COPEVE.

Silvanio: seleção viciada na Semas.

Silvanio: seleção viciada na Semas.

“Aprovamos esse requerimento, de minha autoria, com base em denúncias com provas de que há supostos vícios na seleção. Pessoas que têm experiência e títulos não foram selecionadas pela COPEVE, enquanto há indícios de pessoas sem essa qualificação entre as selecionadas”, afirma Silvânio Barbosa.

O pedido de suspensão provisória da seleção será encaminhado agora ao Prefeito Rui Palmeira, ao Procurador Gral de Justiça Sérgio Jucá e à Secretária De Assistência Social Celiany Rocha.

“A suspensão é necessária para que essas denúncias sejam apuradas e para que não reste nenhuma sombra de dúvidas sobre o processo que acabou desempregando 400 pais de família”, argumenta Barbosa.

O vereador Silvânio lembra que, desde o início, foi contrário ao processo seletivo da Semas. “Não vi sentido algum nessa seleção. Desempregar 400 prestadores de serviço, para empregar mais 400? Por qual razão? Um processo desnecessário às vésperas da eleição e que agora vem acompanhado de denúncias desse tipo, me parece muito estranho” finaliza.

1 Comentário

  1. ariana gomes disse:

    TODOS OS CONCURSOS TEM ISSO PRINCIPALMENTE NO ANO DE ELEIÇÕES PARA COLOCAREM OS DELES BENEFICIANDO ELES MESMOS.

Deixe o seu comentário