1 de junho de 2015 • 8:04 pm

Economia

Ceal vive clima de apreensão com o processo de privatização que está avançado

A crise financeira obrigou a Eletrobrás e os demais acionistas da empresa a optarem pela privatização da companhia em Alagoas.

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O clima de apreensão tomou conta dos servidores da Ceal. A empresa vinculada à Eletrobrás vai ser privatizada.  Detentora de um contrato de concessão celebrado junto a União, por intermédio da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), ela tem o direito de explorar o serviço público de distribuição de energia no Estado até o final deste ano.

A renovação desse contrato deverá ser feita já através de uma empresa privada. A direção da empresa em Alagoas já tem conhecimento de que o processo de privatização avança, mas não confirma a informação. No entanto, detalhes desta situação vem sendo discutidos tanto por representantes do governo federal como pelo governo do Estado.

Na conjuntura de crise econômica que o País atravessa, algumas empresas públicas serão colocadas à venda no mercado. A ideia devolver à União e aos Estados a capacidade de investimento perdida já há algum tempo. A Ceal tem enxugado seu quadro de pessoal com sucessivos Programas de Demissões Voluntárias. Além disso, a empresa tem investido fortemente na terceirização de serviços.

Deixe o seu comentário