27 de julho de 2015 • 8:48 am

Cotidiano

Com medo de protestos, Renan Filho cancela novo ‘Governo Presente’

A segunda edição do programa seria realizada em Delmiro Gouveia, em 21 de agosto.

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Renan: medo dos protestos.

Renan: medo dos protestos.

O governador Renan Filho (PMDB) mandou cancelar a segunda edição do “Governo Presente”, que seria realizada em 21 de agosto, na cidade de Delmiro Gouveia. A informação circulou nos bastidores do Palácio República dos Palmares.

A razão do cancelamento é que o setor de”inteligência” do Palácio descobriu que uma grande manifestação contra o governo estaria sendo preparada para o dia do evento. Depois de informado o governador decidiu cancelar as atividades.

A manifestação, de acordo com as fontes do palácio, estaria sendo preparada pela CUT, movimento unificado de servidores públicos e os movimentos sociais.

O governador não conseguiu ainda lidar com esse tipo de pressão que é natural nas relações de governo com a sociedade organizada. Tanto é assim que em 29 de maio, deste ano, quando lançou o “Governo Presente”, em Arapiraca, não conseguiu terminar o discurso na abertura do evento, diante de um protesto de um pequeno grupo de professores que apenas queriam um contato com ele.

Como não houve intermediação do contato, os manifestantes vaiaram Filho, na hora do discurso dele. No mesmo dia, o governador tambem enfrentou uma manifestação de policiais civis. Os dois fatos, ao que parece, geraram traumas no governador diantes das manifestações contra o governo.

O resultado é que a ordem agora foi dada para cancelar o “Governo Presente” em Delmiro, diante do medo dos protestos do movimento sindical.

Deixe o seu comentário