29 de abril de 2015 • 7:44 am

Blogs » Marcelo Firmino

Com pesquisas em mãos candidatos a prefeito de Maceió entram em cena

As próximas eleições municipais serão daqui a 1 ano e 5 meses. Não é por outra razão que muita gente com pretensões de conquistar um mandato está correndo para fechar…

Por: Marcelo Firmino
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

PesquisaAs próximas eleições municipais serão daqui a 1 ano e 5 meses. Não é por outra razão que muita gente com pretensões de conquistar um mandato está correndo para fechar o planejamento de campanha.

Outros já estão na pré campanha faz é tempo. É o caso do prefeito Rui Palmeira (PSDB), que passou a aparecer até em festa de aniversário de criança responsabilizando o governo federal por todos os erros de sua administração.

Não foi por acaso que os partidos políticos iniciaram as consultas de opinião pública para sentirem as tendências do eleitorado atualmente. Hoje já há pesquisas eleitorais para todos os gostos e perfis nas mãos de políticos e gestores públicos.

A única divulgada foi a do Ibrape, encomendada pelo PMDB.  A pesquisa mostrou que ex-prefeito de Maceió e atual deputado federal Cícero Almeida (PRTB) nesse campo ainda tem uma base eleitoral forte.

Feita a simulação de uma eleição entre Cícero Almeida, Rui Palmeira, Ronaldo Lessa e JHC os números favorecem a Almeida que apareceu com 27% das intenções do eleitorado.

O prefeito Rui Palmeira vem empatado tecnicamente com Ronaldo Lessa  16% e 15%, respectivamente. O deputado federal JHC aparece com 6%. Indeciso 11%, branco e nulo 25%.

Em um cenário sem Lessa, Cícero Almeida sobe para 32%, Rui 17%, JHC 8%. Nome forte do PMDB o médico José Wanderley aparece com 4%. Indeciso 12%, branco/nulo 27%.

Quando se trata de rejeição os números do Ibrape – diante da pergunta em quem você não votaria para prefeito de jeito nenhum? – são:  Rui Palmeira 33%, Ronaldo Lessa 20%, JHC 19%, Cícero Almeida 18%, Dr. Wanderley 18%, Galba Novaes 17% e Benedito de Lira 14%. Não sabe ou não opinou 35%.

Há outras pesquisas de números muitos semelhantes, incluindo as rejeições de cada candidato, mas que não tiveram a autorização legal para divulgação. São de consumo interno de cada partido.

Ao conhecer os números de cada uma delas, Cícero Almeida disse que não deixa de ficar feliz com a lembrança do povo maceioense pelo trabalho que realizou em Maceió.

– Minha preocupação é trabalhar na Câmara dos Deputados para ajudar Alagoas a vencer a crise que enfrentamos. Não vou parar agora para pensar em pesquisa eleitoral. – Disse.

Mas, deixou claro que desta vez tem a certeza de que haverá muitos concorrentes fortes disputando as eleições em Maceió.

E claro: Como o tempo corre, todos já estão se mexendo.

1 Comentário

  1. Está chegando a hora de ver quem é quem, surpresa apareceram e gente
    Com muito voto pode ficar de fora

Deixe o seu comentário