9 de novembro de 2017 • 1:04 pm

Agricultura

Conab estima queda de até 6,2% na safra de grãos 2017/2018

A expectativa é que a produção gire em torno de 223,3 a 227,5 milhões de toneladas, contra os 238 milhões do ano anterior, a maior da história

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A safra de grãos 2017/2018 deverá registrar redução de 4,4% a 6,2% em relação à safra passada, de acordo com levantamento divulgado hoje (9) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A expectativa é que a produção gire em torno de 223,3 a 227,5 milhões de toneladas.

A safra de 2016/2017 registrou 238 milhões de toneladas de grãos, a maior da história do Brasil. Segundo a Conab, a marca foi alcançada graças às boas condições climáticas, cenário que pode não se repetir no período do plantio e da colheita de 2017/2018.

Acordo com o secretário substituto de política agrícola do Ministério da Agricultura, Sávio Pereira, um fator que poderá ser favorável para que a safra deste ano possa alcançar a produção anterior é o crescimento da área plantada.

“Podemos ter um crescimento de até 2% na área plantada. Isso é muito importante. Nos últimos 7 anos a área plantada no Brasil cresceu cerca de 11 a 12 milhões de hectares. Isso representa 1,7 milhão de hectares por ano”, destacou.

Dados

Segundo a pequisa, os principais grãos cultivados no Brasil, a soja e o milho, deverão responder por cerca de 89% de toda a produção. A expectativa é que a colheita da soja fique entre 106,4 e 108,6 milhões de toneladas, a do milho pode ficar entre 91,6 e 93,1 milhões de toneladas.

Deixe o seu comentário