25 de novembro de 2015 • 7:38 pm

Política

Corporativismo: Renan diz que nota do PT contra Delcídio é ‘oportunista e covarde’

STF considerou que Delcídio obstruiu as investigações da Lava Jato

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Renan: nota covarde.

Renan: nota covarde.

O senador Renan Calheiros condenou a nota oficial do presidente nacional do PT, Rui Falcão, que negou solidariedade ao senador Delcídio Amaral. Segundo o senador, a nota além de oportunista “é covarde”.

Depois de anunciar seu entendimento sobre o voto secreto para analisar a situação do senador Delcídio Amaral, preso nesta quarta-feira, 25, por decisão do STF, o presidente o Senado Renan Calheiros (PMDB)  fez duras críticas à nota do PT sobre a situação do Delcídio, negando solidariedade ao seu representante. “A nota, além de intempestiva, é oportunista e covarde”, declarou o presidente do Senado, recebendo aplausos de alguns colegas.

Em decisão unânime tomada após sessão extraordinária, o STF entendeu que o petista agiu para atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato ao negociar fuga e pagamento de mesada ao ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, com o objetivo de impedir que ele o mencione como beneficiário do esquema de corrupção na estatal.

A trama foi revelada em áudio gravado pelo filho de Cerveró e encaminhado ao Ministério Público.

Deixe o seu comentário