13 de setembro de 2016 • 9:48 pm

Esportes

CRB: outro terrível vexame diante da sua torcida em pleno estádio Rei Pelé

Uma tristeza, o galo perde outra de virada e já preocupa o torcedor regatiano

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Algo de estranho está acontecendo com o CRB e cabe aos dirigentes e comissão técnica esclarecerem para os torcedores os fatos. De repente perde duas seguidas dentro de casa e pelo mesmo placar. Agora foi a vez do Avaí chegar o Rei Pelé e vencer por 2 a 1 também de virada, a exemplo do que aconteceu com o Vila Nova.

Avaí fez a festa no Rei Pelé diante do CRB

Avaí fez a festa no Rei Pelé diante do CRB

Está tudo muito estranho para o galo neste returno. Dois terríveis vexames seguidos dentro de casa. A torcida começa a pedir explicações e com razão, afinal a equipe dá sinais claros de que está descendo a ladeira. É hora de ação concreta e real e nunca de desculpas esfarrapada. O torcedor não merece.

O jogo – O Avai foi superior ao galo e  venceu com gols de Renato e Lucas Coelho e agora entrou de vez na disputa por uma vaga no G-4.

Com o triunfo desta terça-feira, o time azurra chegou a cinco partidas de invencibilidade — quatro vitórias e um empate, dessas quatro no comando do técnico Claudinei Oliveira que em menos de um mês transformou a trajetória do clube na Segundona.

No lado do CRB a apatia tem sido a característica da equipe. Ou quem sabe os adversários já manjaram o repertório de jogadas da equipe do técnico Mazola Júnior e passaram neutralizar o jogo regatiano.

O certo é que o time catarinense criou as melhores oportunidades para a vitória e soube aproveitar quando o CRB errou. Mas antes de merecer o triunfo, o Leão deu motivos para preocupação. Isso por que aos seis minutos de jogo o CRB abriu o placar com o experiente Neto Baiano que aproveitou um erro coletivo da defesa azurra em uma cobrança de escanteio.

Depois de sofrer o gol, o Avaí demorou um pouco, mas entrou no jogo. Aos poucos as oportunidades para o Leão começaram a aparecer.

Aos 42 minutos do segundo tempo, o lateral-esquerdo do CRB, Peri, foi expulso após fazer falta em Renato e receber o segundo cartão amarelo. O próprio Renato cobrou a falta e empatou o jogo.

O segundo tempo foi de máxima pressão avaiana. Desde o minuto início do Leão queria o gol da virada. Por se lançar ao ataque o Avaí deixou espaços na defesa o que fez com que o CRB tivesse chances de marcar o segundo gol.

Até que aos 32 minutos da segunda etapa, Marcos Martins foi recuar a bola e fez um passe muito fraco para o goleiro Juliano, Lucas Coelho foi mais rápido e interceptou o lance para com tranquilidade marcar o gol da vitória azurra.

Os acontecimentos desse jogo vão ficar para análise criteriosa da direção regatiana. O torcedor vai cobrar e com justa razão. Ora, foram seis pontos disputados dentro de casa, com o apoio da torcida, e totalmente desperdiçados. Vergonhoso.

 

Deixe o seu comentário


Publicidade