6 de dezembro de 2016 • 12:08 pm

Brasil

Decisão do STF para o Senado e paralisa o Palácio do Planalto

Ministra presidente do STF disse que dará prioridade ao recurso do Senado

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O Senado entrou na manhã de hoje (6) com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) para reverter a decisão do ministro Marco Aurélio, que ontem (5) afastou o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) do cargo de presidente do Senado.

STF: País em crise

STF: País em crise

O recurso depende de uma análise do próprio Marco Aurélio, que é o relator da ação que resultou no afastamento de Renan. Caso o ministro não reveja sua decisão, o pedido da defesa pode ser levado ao plenário pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia.

Em café da manhã com jornalistas, hoje (6), Cármen Lúcia disse que dará prioridade à análise de um recurso contra o afastamento de Renan caso ele chegue a seu gabinete para ser pautado no plenário. A ministra está preocupada com a paralisia que tomou conta do Palácio do Planalto.

Paralisação – Diante do fato jurídico, o Senado parou. O País paralisou. Hoje, várias comissões desistiram de realizar as reuniões previstas para hoje. A sessão do Congresso, marcada para esta terça, também foi cancelada.

Dezenas de senadores foram ao gabinete da presidência para saber como serão tocados os trabalhos legislativos nesta terça-feira, mas não há informação a respeito.

Deixe o seu comentário