15 de Maio de 2015 • 10:13 am

CINEMA

Divã a 2 e o novo Mad Max

O cinema nacional não se isola e adere às sequencias dessa vez com Divã a 2. E em outra estreia, temos o grandioso Mad Max: Estrada da Fúria

Por: Thiago Sampaio
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Nessa semana estreiam os filmes 'Divã a 2' e 'Mad Max: Estrada da Fúria'.

Nessa semana estreiam os filmes ‘Divã a 2’ e ‘Mad Max: Estrada da Fúria’.

O cinema nacional não se isola e também adere às sequências para seus filmes. Dentre os lançamentos em Maceió nesse final de cinena, temos a estreia do brasileiro ‘Divã a 2. E esse filme merece dois adendos: primeiro que precisamos parar de automaticamente achar que filme nacional é ruim (preconceito ainda hoje, gente?), mas tinham mesmo que ter feito uma sequencia sem a personagem de Lília Cabral, que meio que carregou o primeiro filme nas costas?

Dessa vez a protagonista é Eduarda, que durante suas terapias de casal resolve se separar do marido, com quem era casado há 10 anos, e agora parece estar interessada em Leo, interpretado por Rafael Infante, que você deve conhecer da websérie Porta dos Fundos. Mas, como devo enfatizar, nada de Lília Cabral, uma “coroa” que depois de se descobrir no divã, resolve aproveitar a vida, sair com homens mais novos… o tipo de conflito que não acontece desta vez. Em ‘Divã a 2′, temos Eduarda, muito bem sucedida profissionalmente e bem atraente… Praticamente não há conflito. Serve ao menos para uma ida ao cinema de maneira descompromissada.

Por outro lado, temos  o grandioso remake ‘Mad Max: Estrada da Fúria. O filme é um espetáculo visual, que pede para ser assistido em 3D (e legendado, né?) na telona do cinema, para que possamos apreciar o que é praticamente um balé pirotécnico. Raros são os filmes hoje em dia que não abusam muito dos efeitos especiais produzidos em computador e, felizmente, este Mad Max não é o caso. Os carros estão lá, as explosões também. Todas as colisões, destruições, bolas de fogo e massacres automobilísticos acontecem mesmo! De forma palpável. E isso não dá pra perder!

‘Mad Max: Estrada da Fúria’ é um filme básico: ação desenfreada, com uma perseguição no deserto australiano, durante quase duas horas. Essencialmente, o que temos é Max (e a personagem de Charlize Theron, que domina o longa) indo do ponto A ao ponto B, evitando os vilões. Convenhamos que isso não seria nada demais, não fosse o fato de que o filme é escrito/dirigido por George Miller. Esse é o mesmo responsável pela trilogia original de Mad Max, iniciada em 79 e findada em 85, há mais de 30 anos, todos com Mel Gibson no papel protagonista, substituído aqui com honradez por Tom Hardy. Resumindo: assista. É um espetáculo visual que merece ser visto no cinema.

2 Comentários

  1. Thiago Sampaio disse:

    Atriz se chama Vanessa Giácomo, Laysla. As novelas mais recentes em que ela atuou foram Amor à Vida e Império.

  2. Laysla disse:

    Qual atriz é a protagonista do filme Divã???

Deixe o seu comentário