14 de março de 2016 • 11:28 am

Maceió

Em meio ao barulho da manifestação o esgoto a céu aberto corre para o mar

Cena registrada à mesma hora em que a manifestação ocorria na orla de Maceió

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Domingo, 13, às 11 horas da manhã. A manifestação contra o governo Dilma e o ex-presidente Lula na região mais valorizada de Maceió, a orla marítima, seguia seu rito de entusiasmo e barulho, enquanto silenciosamente uma língua preta e fétida dos esgotos dos famosos prédios da beira mar corria impunemente para poluir à praia.

A poluição histórica vinda dos prédios à beira mar.

A poluição histórica vinda dos prédios à beira mar.

Na manifestação estavam promotores, juízes, gestores públicos, entre outras autoridades que já convivem com esse mal maceioense há décadas. Olham, vêem, mas fazem de conta que nada acontece por que isso não lhes bate à porta.

A população usuária do lazer à beira mar é quem paga o pato, uma vez que tem a saúde exposta à contaminação do riacho de fezes e organoclorados por conta da inércia da gestão pública e da omissão das autoridades responsáveis por tamanha agressão à natureza.

O esgoto correndo a céu aberto: autoridades fecham os olhos.

O esgoto correndo a céu aberto: autoridades fecham os olhos.

A orla enfeitada...

A orla enfeitada…

Essa é uma peça histórica da vida maceioense que nunca mereceu passeata, nem qualquer tipo de protesto dos habitantes da orla.

Deixe o seu comentário