13 de outubro de 2016 • 2:58 pm

Educação

Estado convoca mais 150 professores concursados em 2013

Governador promete realizar novas convocações de concursados até o fim do ano.

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Mais 150 professores aprovados em concurso da Educação de 2013 foram convocados nesta segunda-feira pelo governo do Estado, segundo anunciou o governador Renan Filho (PMDB) em coletiva no Palácio.

Renan Filho destacou que, mesmo diante de um cenário de crise que acomete todo o Brasil, Alagoas tem buscado enfrentá-la com dedicação e trabalho para atender as expectativas do povo alagoano. A contratação dos professores será imediata, após publicação no Diário Oficial (DO), prevista para esta sexta-feira (14).

Mais professores na sala de aula.

Mais professores na sala de aula.

Ele ainda destacou que algumas convocações que o Governo de Alagoas já efetuou, como, por exemplo, a reserva técnica da Polícia Militar inteira, os professores da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), o nível fundamental dos servidores concursados da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal), além do nível Médio e Superior – que deu condição da abertura da Nova Maternidade Santa Mônica.

-“Vamos ainda até o final do ano proceder uma nova convocação para ampliar mais os serviços de saúde em Alagoas. Nós também vamos convocar a Perícia Oficial e a Polícia Civil. É o Governo dando sequência à convocação de servidores para fazer duas coisas: cumprir com o que foi acertado pela via dos concursos públicos e  melhorar o serviço público para o cidadão, que é isso que as pessoas esperam de nós”. – Disse Renan.

Novos concursos – Na ocasião, o governador garantiu que o Estado também está estudando junto à Secretaria do Planejamento (Seplag) a divulgação da agenda de novos concursos, para as áreas da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e também para a Educação, o que possibilitará que Alagoas siga em frente, dando passos para que continue avançando.

“Em algumas áreas, além de realizar concurso, também vamos contratar servidores para ampliar a prestação de serviço através de empresas por organizações sociais, a exemplo do que o Brasil faz em todos os Estados”, finalizou o governador.

 

 

 

Deixe o seu comentário