23 de setembro de 2016 • 5:50 pm

Educação

Estado defende novo modelo de ensino médido no País

Governo alagoano apoia Medida Provisória para reformar o ensino médico

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O governo do Estado por meio da Secretaria de Educação defendeu nesta sexta-feira, 23, a Medida Provisória do governo Michel Temer que estabelece a reforma do sistema educaional brasileiro, no âmbito do ensino médio.

Reforma em debate

Reforma em debate

Segundo o governo estadual, a MP é baseada em documentos elaborados por técnicos de secretarias da educação de todo país que, há pelo menos três anos, discutem no Consed (Conselho Nacional de Secretários de Educação) a reforma do Ensino Médio.

De acordo com o Secretário de Educação, Luciano Barbosa, a medida provisória coloca o ensino de nível médio, pela primeira vez em anos, no centro do debate educacional e com o sentido de urgência que esse tema já deveria ter sido tratado.

“Temos políticas bem definidas para a Educação Infantil e para o Ensino Fundamental, temos avançado em oferta de vagas e políticas públicas para o Ensino Superior, mas há, concretamente e por muito tempo, uma desestruturação e indiferença para com o nível médio. Agora, com a medida provisória, todos vão se voltar para o debate sobre a educação no nível médio”, avalia o secretário de Estado da Educação”, disse Barbosa.

Já a  secretária-executiva da Educação, Laura Souza, expõe que, durante os seminários da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), documento que reúne os conteúdos a serem lecionados na Educação Básica, ficou evidente a insatisfação de todos os setores com o modelo atual do Ensino Médio.

 

 

 

 

Deixe o seu comentário