12 de novembro de 2015 • 12:17 pm

Turismo

Estado reduz preço de combustível de avião para atrair mais turistas

O incentivo do governo reduz de 17% para 12% a alíquota do combustível.

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A concessão da redução da alíquota do querosene de aviação (QAV) para incrementar a aviação comercial no Estado foi autorizada nesta quinta-feira, 12, pelo governo do Estado, que assim atendeu a um velho pleito do trade turístico alagoano.

Com essa iniciativa, o governo torna o Estado um dos estados mais competitivos do país para atração de novos voos, por reduzir a carga tributária para o segmento.

Para o avião a gasolina baixou.

Para o avião a gasolina baixou.

O evento realizado no salão de despachos do Palácio do Governo teve as presenças de secretários estaduais e de executivos da

Azul Linhas Aéreas Brasileiras, que passa a ser a primeira empresa de aviação a operar já com os incentivos do Estado. A conquista é resultado do estudo das Secretarias de Turismo e da Fazenda, que, desta maneira, sonham em atrair mais turistas para as cidades alagoanas,

“Estamos trabalhando em todas as frentes para que Alagoas passe a contar com novos diferenciais competitivos no processo de atração de investimentos, gerando receita no Estado. No caso do QAV, nós conseguimos avançar para encontrar um modelo adequado, que atenda às demandas do setor empresarial e não interfira na arrecadação, promovendo o crescimento socioeconômico”, destaca a secretária de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Jeanine Pires.

O custo com combustível representa 35% do valor gasto pelas companhias com os vôos e o incentivo garante a redução da alíquota de 17% para 12%, com condições de pagamento competitivas. A Azul Linhas Aéreas Brasileiras passará a operar voos com o incentivo de João Pessoa, Fortaleza e Recife para Maceió.

 

 

Deixe o seu comentário