14 de Maio de 2016 • 10:45 am

Educação

Ética e cidadania no currículo: Projeto vai beneficiar alunos do Sesi e da Semed

Durante seis meses, a partir da próxima segunda-feira (16), valores como ética e cidadania serão abordados em sala de aula, por meio de material didático que têm como personagens principais os heróis da Turma da Mônica.

Por: Fátima Almeida
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Foto: Ascom Fiea

Com a participação da comundade escolar (Fotos: Ascom Fiea)

Projeto foi lançado por representantes do Sesi e da Semed

Projeto foi lançado por representantes do Sesi e da Semed

Numa tarde diferente e divertida na Escola Sesi Industrial Abelardo Lopes, localizada no bairro da Cambona, em Maceió. Pais, estudantes e educadores da unidade do Sesi e de duas escolas municipais parceiras conheceram o projeto “Um por Todos e Todos por Um! Pela Ética e Cidadania”, uma iniciativa da Controladoria Geral da União (CGU), em parceria com o Instituto Maurício de Sousa, que visa a estimular o desenvolvimento de uma cultura ética e cidadã entre crianças do 3º e 4º ano do ensino fundamental.

Durante seis meses, a partir da próxima segunda-feira (16), valores como ética e cidadania serão abordados em sala de aula, por meio de material didático que têm como personagens principais os heróis da Turma da Mônica.
“Desde pequenos, os alunos aprenderão a serem cidadãos de bem, de boa índole. É preciso formar homens e mulheres que saibam respeitar as pessoas, as ideias e sejam éticos. Aqui, podem estar pessoas que no futuro conduzirão a nossa cidade, o nosso Estado e o nosso país”, disse a gerente de Educação do Sesi/AL, Cristina Suruagy, ao abrir a solenidade de lançamento do projeto.
A secretária municipal de Educação, Ana Dayse Dorea, ressaltou a importância da parceria para a execução de projetos que estimulem a cidadania. “A parceria com a escola do Sesi é um diferencial, um momento rico em que os setores público e privado somam forças em benefício dessas crianças e da sociedade”, declarou.
Cerca de 230 crianças serão alcançadas nesta fase do projeto. A unidade de ensino do Serviço Social da Indústria abraçará duas escolas municipais e sua equipe pedagógica dará suporte aos professores dos colégios Ranilson França, na Levada, e a Claudinete Batista, no Trapiche da Barra.
No evento, que teve a participação da assessora pedagógica do Sesi, Elaine Lopes, e do diretor da Escola Abelardo Lopes, professor Carlos Abreu e das escolas municipais beneficiadas, houve ainda apresentações teatral e musical, além dos robôs desenvolvidos por alunos da unidade escolar situada na Cambona.

Deixe o seu comentário