5 de janeiro de 2017 • 7:32 am

Interior » Policia

Exército vai participar das investigações sobre dinamite encontrada na Seinfra de Colônia Leopoldina

Material encontrado ontem à noite estava estocado em prateleiras na sede da Secretaria de Infraestrutura

Por: Fátima Almeida
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Fotos: Divulgação Polícia Civil

O ex-secretário de Infraestrutura de Colônia Leopoldina, Adeilton Calado, vai ter que explicar muito bem à polícia e ao Exército, a grande quantidade de explosivos estocada no prédio sede da secretaria. O material – 38 bananas de dinamite, 15 quilos de emulsão explosiva, 8 espoletas, e 11 m de cordel detonante, segundo foi divulgado pela polícia – foi encontrado em caixas, por integrantes da nova equipe que assumiu o órgão da administração municipal, e causou grande reboliço na cidade, na noite de ontem, com o movimento intenso de viaturas policiais.

Foram acionados a Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) da Polícia Civil de Alagoas (Seção de Roubo a Bancos – Serb); a Perícia Oficial do Estado; o Pelotão de Operações Especiais do Exército (Pelopes) e o Esquadrão Antibomba do Tático Integrado de Resgates Especiais (Tigre).

Ontem mesmo o delegado da Serb, Vinícius Ferrari, abriu o inquérito para investigar a origem do material explosivo, o motivo de estar estocado inadequadamente nas prateleiras da secretaria, a responsabilidade pela estocagem (que poderia ter causado uma tragédia), e a finalidade das bombas de dinamite – que são fartamente utilizadas por quadrilhas de roubo a bancos, para explodir caixas eletrônicos, como aconteceu em outubro passado, lá mesmo, em Colônia Leopoldina, tendo como alvo a agência do Banco do Brasil.

De acordo com o delegado, as investigações terão a participação do Exército para ajudar a rastrear a origem do material.

Segundo informações da Polícia Civil, ontem mesmo o material foi destruído pelo Esquadrão Antibombas, por causa do risco iminente de explosão. Mais detalhes sobre a ocorrências e seus desdobramentos estão sendo esperados para a manhã desta quinta-feira.


Fotos: Divulgação Polícia Civil

 

 

Deixe o seu comentário