30 de maio de 2016 • 12:31 pm

Brasil

Filho de 7 anos de Temer é dono de patrimônio de mais de R$ 2 milhões

Já as declarações de Temer à Justiça Eleitoral em 2014 apresentam outro imóvel subavaliado.

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Michelzinho, filho de sete anos do presidente interino Michel Temer e de sua esposa, Marcela Temer, é proprietário de pelo menos dois imóveis cujos valores somados ultrapassam os R$ 2 milhões. De acordo com reportagem do jornal O Estado de S.Paulo, o valor é referente a dois conjuntos comerciais em São Paulo, em Itaim-Bibi, na zona sul da capital, onde fica o escritório político do peemedebista.

Os conjuntos comerciais estão localizados no edifício Lugano, cada um com 196 m². De acordo com a Prefeitura de São Paulo, o valor venal dos imóveis (a partir do qual incidem impostos, como o IPTU) é de R$ 1.024.802. O valor venal costuma a ser menor do que o de mercado, sendo este de 20% a 40% mais alto, no geral.

No entanto, na declaração de bens apresentada por Temer à Justiça Eleitoral, cada conjunto é avaliado em R$ 190 mil. O fenômeno é comum nas declarações de políticos, que normalmente apresentam os bens de acordo com o valor de compra, sem atualização.

Segundo a assessoria do presidente, a transferência foi feita como doação, uma antecipação da herança – prática que já beneficiou também as outras três filhas de Temer em outros momentos. Os imóveis doados para Luciana, Maristela e Clarissa não foram especificados, nem as datas das transferências. Segundo a Prefeitura de São Paulo, elas são donas de imóveis residenciais na zona oeste da capital.

As declarações de Temer à Justiça Eleitoral em 2014 apresentam outro imóvel subavaliado: a residência do presidente interino em São Paulo. Localizada no bairro Alto Pinheiros, casa de 415 m², comprada em 1998 por R$ 722.977,41, possui o valor venal é de R$ 2.875,109.

Deixe o seu comentário