18 de maio de 2016 • 10:21 pm

Política

Fiscalização da Sefaz flagra carregamentos irregulares

Entre as mercadorias autuadas estavam lacínios sem documento fiscal, identificados em São José da Tapera

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Fiscalização aconteceu em vários lugares, abordando, veículos de carga

Fiscalização aconteceu em vários lugares, abordando, veículos de carga

Seis carregamentos irregulares de mercadorias foram interceptados nesta quarta-feira, em estradas do Agreste e Sertão alagoano, por equipes de fiscalização da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz). Entre as mercadorias autuadas estavam lacínios sem documento fiscal, identificados em São José da Tapera; um caminhão com tijolos e outro com madeira, ambos abordados no Povoado Piau, em Piranhas; e dois caminhões com móveis nos municípios de Ouro Branco e Inhapi.

As operações em regiões específicas vem sendo desenvolvidas pela Sefaz com o intuito de preservar a competitividade do mercado local e evitar que mercadorias sejam trazidas de outros Estados irregulares.

Em texto produzido pela assessoria de comunicação da Sefaz, o superintendente da Receita, Francisco Suruagy, diz que é imprescindível reforçar a presença do Fisco nas ruas para proteção de todos. “Não é justo que o bom contribuinte seja afetado por aqueles que não cumprem a legislação fiscal e, por consequência, acabam praticando preços menores que os do mercado local. Operações desse porte buscam justamente garantir concorrência leal aos contribuintes alagoanos”, relatou.

Ainda de acordo com a assessoria do órgão, no mês de abril a Sefaz também desenvolveu operação no Sertão alagoano, denominada de Operação Cangaço, quando autuou 19 carregamentos irregulares e estourou um depósito clandestino.

Deixe o seu comentário