16 de setembro de 2015 • 9:52 pm

Economia

Governadores querem aumentar CPMF. Entre eles, RF

Renan Filho diz que a crise é de um só, independente de quem criou.

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Renan: comissionados em cheque.

Renan: comissionados em cheque.

O governador Renan Calheiros Filho (PMDB) e mais os governadores de três estados (RJ, PI,  e BA) e a vice-governadora do Acre anunciaram nesta quarta-feira, 16, na Câmara dos Deputados, que vão propor a deputados e senadores modificações na proposta que recria a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF).

A intenção é aumentar a alíquota da contribuição para 0,38%, a fim de que 0,18% da arrecadação seja distribuída igualmente entre estados e municípios. A iniciativa tem o apoio de pelo menos 19 governadores.

O governador de Alagoas, Renan Filho  destacou que estados e municípios precisam estar inseridos na saída para a crise.

“A crise não é de um só, independente de quem a criou. A saída depende da ação de todos nós, prefeitos, governadores, da Câmara [dos Deputados], do Senado e do setor produtivo”, disse.

Segundo Renan Filho, a proposta dos governadores deverá ser debatida ainda hoje com os presidentes da Câmara, Eduardo Cunha; e do Senado, Renan Calheiros

 

 

 

 

 

Deixe o seu comentário