31 de março de 2016 • 5:07 pm

Segurança

Governo não fala sobre jovens mortes e comunidade faz protesto

Multidão faz protesto pelas ruas do Graciliano

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

 

Em uma manifestação com faixas e cartazes nas mãos a comunidade do Graciliano Ramos protestou contra os assassinatos dos adolescentes irmãos Josenildo e Josivaldo Ferreira, de 16 e 18 anos. Entre os manifestantes, alunos da escola estadual Geraldo Melo

Eles foram mortos por policiais militares que alegaram “confronto”. A família protestou e disse que foram assassinados a sangue frio. E que os rapazes tinham problemas mentais.

Silêncio total ma SSP.

Silêncio total ma SSP.

A manifestação percorreu as ruas do bairro e um grande numero de pessoas acompanhou a passeata com a certeza de que cabe ao governo esclarecer o caso, uma vez que há muitos jovens morrendo na periferia e a alegação é sempre a mesma: “confronto”.

” Será que se fossem ruins, estaria tanta gente assim nessa manifestação”? A pergunta feita por uma prima dos jovens mortos ficou ecoando no ar, por que lá não havia nenhuma autoridade capaz de respondê-la.

O governo ainda não se manifestou sobre o caso. O novo secretário de Segurança, Lima Júnior, também nada falou

 

 

Deixe o seu comentário