25 de janeiro de 2017 • 6:48 am

Blogs » Fátima Almeida

Blog da Fátima: Haja churrasco e haja papel higiênico!!

Sobre os desvios – de conduta moral e de recursos públicos – nos recantos desse imenso país chamado Brasil

Por: Fátima Almeida
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Fotos: Polícia Civil RS – divulgação

O churrasco já estava quase pronto na casa da vereadora gaúcha Luciana Kubiaki (PSB/Guaíba): Mais de 200 quilos de carne. Aliás, estava quase tudo preparado para a inauguração da pousada da família, quando a polícia acabou com a festa. Queijo, mais de mil rolos de papel higiênico, 100 litros de detergente; toneladas de produtos, inclusive brinquedos e material escolar (ops… material de escritório). Tudo supostamente comprado ao longo dos oito anos em que a vereadora passou à frente da Secretaria Municipal de Assistência Social – isso mesmo que você pensou: com dinheiro público.

É o que indicam as etiquetas da Prefeitura de Guaíba nas peças apreendidas esta semana, pela polícia, em cumprimento de mandados de prisão, busca e apreensão na casa da vereadora. Ela e o marido foram presos sob suspeita de desviar todos esses produtos, antes de chegar ao seu verdadeiro destino: instituições que cuidam de crianças e adolescentes pobres, em situação de risco social.

E o pior. De acordo com a delegada Sabrina Teixeira, que efetuou as prisões, as casas de acolhimento que receberiam esse material estavam desabastecidas até de comida. As crianças se queixaram que há três meses não comiam carne. Também pudera… Deve ter sido por isso que a vereadora levou também o papel higiênico (faz todo sentido).

Cultura que se alastra. E a certeza da impunidade tamanha que a ‘ilustre’ nem se deu ao trabalho de apagar os rastros do peculato. O advogado da suspeita insiste que todos os produtos foram comprados por Luciana e o marido, que pretendiam reabrir uma pousada da família. Ora, tenham santa paciência!!! Se pretendiam abrir uma pousada, por que compraram produtos com etiqueta da prefeitura?

A resposta eu já sei. Mas não deixo de me surpreender com a capacidade do ser humano para a má conduta. Quando penso que já vi de tudo nessa vida, meu queixo cai com essas notícias surreais. Poderia até estar acostumada com a falta de escrúpulos de alguns entes públicos, mas felizmente não me acostumo a coisa ruim como a corrupção; e continuo torcendo e acreditando num país que pode crescer e dar certo.

Mas, desse jeito. não tem fé que resista. Né isso?

Deixe o seu comentário