4 de Maio de 2015 • 6:46 pm

Cotidiano

Indústria do plástico investe mais de R$ 1 bilhão na economia alagoana

Quase 70 indústrias de transformação desenvolvem a cadeia de produção do plástico no Estado e geram mais de 4 mil empregos. O governo quer atrair mais indústrias com o apoio da Brasken.

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Renan Filho tenta investidores em SP

Renan Filho tenta investidores em SP

A indústria do plástico já investiu mais de R$ 1 bilhão em Alagoas. O número chamou a atenção do governador Renan Filho (PMDB) que decidiu ir a São Paulo participar da Feira Intenacional da Industria do Plástico, para tentar atrair novas indústrias para Alagoas. A feira, conhecida como Feiplastic, é considerada a maior da América Latina e será realizada a partir desta terça-feira, 5, até a sexta-feira, 8.

Para o governador é importante que os industriais do setor saibam que no segmento da química e do plástico, Alagoas se destaca como um estado privilegiado no que concerne à matéria-prima, graças a produção de PVC da Brasken.

O setor do plástico já faz a diferença na economia alagoana, que conta atualmente com 67 indústrias de transformação. Essas unidades, segundo governo, são responsáveis pela geração direta de 4.200 empregos. Nesta terça, Renan Filho abrirá diálogo com mais seis empresas que têm o interesse de se instalar no Estado.
O governador também terá um encontro com o presidente da Braskem, Carlos Fadigas. A empresa é a maior petroquímica da América Latina. Em Alagoas, a Braskem é a principal fornecedora de insumos.
O Governo montou um estande institucional na Feiplastic, com os integrantes da Cadeia Produtiva da Química e do Plástico de Alagoas. No espaço, serão apresentados o atual panorama do segmento no estado e os incentivos apresentados no Programa de Desenvolvimento Integrado do Estado de Alagoas (Prodesin).

 

Deixe o seu comentário