15 de agosto de 2017 • 10:35 am

Brasil » Justiça

Juiz recebe salário de R$ 500 mil e diz que usou o próprio carro para trabalhar

Disse ainda que antes de discutir imoralidade as pessoas precisam aprender a votar

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Falta dinheiro para tudo no Brasil. O rombo fiscal de 2017 ficará acima de R$ 150 bilhões. Mas o magistrado da 6ª Vara da Comarca de Sinop (MT), Mirko Vicenzo Giannotte, recebeu uma bolada no mês passado. O total de rendimentos do juiz chegou a R$ 503,9 mil.

Juiz Mirko e o salário de julho

O valor líquido ficou em R$ 415,7 mil, pago no dia do seu aniversário, em 20 de julho.

E como justificativa ao valor recebido, Giannotte disse que ia trabalhar com o próprio carro. Explicou que o pagamento se refere a indenizações pelo período em que recebeu abaixo do que lhe era devido em anos anteriores.

Indagado se o valor poderia ser considerado excessivo, o juiz afirmou:

“É só as pessoas que criticam essas coisas aprenderem a votar em seus representantes”.

Disse ainda que se é pra discutir imoralidade é preciso avançar no debate sobre a legislação trabalhista, porque recebeu apenas o que lhe era devido por lei.

Ele defendeu ainda defendeu adicional de insalubridade para juízes por trabalhar em condições de periculosidade. Em Juara (MT), relata ter sido alvo de uma emboscada com uma jararaca:

“Colocaram de propósito na caçamba da minha caminhonete”, declarou.

Deixe o seu comentário