4 de agosto de 2017 • 1:01 pm

Música » Personalidades

Luiz Melodia parte depois de colorir o por do sol no coração do Brasil

Morre um dos maiores talentos da música popular brasileira

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Nascido e criado no Morro de São Carlos, berço da Escola de Samba Estácio de Sá, Luiz Carlos dos Santos, Luiz Melodia era a própria música, que nasceu com ele em 1951.

Filho de Oswaldo Melodia, sambista do bairro do Estácio, Luiz Melodia estava acima da média dos compositores e cantores da música popular brasileira. Era mesmo melodia.

A sua partida nesta sexta-feira, 04, deixa uma lacuna considerável na MPB. Antes de seguir na carreira solo, o cantor formou ao lado de amigos o grupo Os Instantâneos e participou de programas de calouros na TV e no rádio.

Luiz Melodia: mo coração do Brasil.

No início dos anos 70 sua composição “Pérola Negra” foi gravada por Gal Costa. Em 1973, lançou o primeiro disco que levava o nome daquela música. Dois anos mais  tarde disputou o “Festival Abertura” na Globo.

Já na década de 1980 lançou o LP “Pintando o Sete” que trazia a canção “Codinome Beija-Flor”, um dos seus maiores sucessos.

Nos anos 2000 fez parcerias com Zeca Pagodinho e Luciana Mello, filha de Jair Rodrigues, morto em maio de 2014. Luiz Melodia ganhou em 2007 um documentário produzido por Karla Sabah. O cantor chegou a trabalhar como ator na novela “Bang Bang”.

Luiz Melodia, o pérola negra, foi para a eternidade colorindo o por do sol do Brasil. E provavelmente embalado por “Magrelinha”: “O por do sol vai renovar brilhar de novo o seu sorriso/ E libertar da areia preta e do arco-íris cor de sangue/ cor de sangue, cor de sangue …/O beijo meu vem com melado decorado cor de rosa…

Deixe o seu comentário