30 de junho de 2015 • 10:19 am

Cotidiano

Lúpus: mulheres são principal alvo de doença autoimune

Pesquisa diz que de 65 mil casos de lúpus registrados no Brasil 90% são em mulheres.

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Reumatologista Georges Basile Christopoulos

Reumatologista Georges Basile Christopoulos

Existe uma doença que enxerga os órgãos e tecidos do corpo humano como agentes nocivos e passa a acionar o sistema imunológico para combatê-los. “O lúpus eritematoso sistêmico – ou apenas lúpus – é uma doença inflamatória que pode afetar virtualmente qualquer órgão ou tecido do corpo, sendo mais frequente na pele, articulações, rins, pulmões e sistema nervoso”, resumiu o reumatologista da Santa Casa de Maceió, Georges Basile Christopoulos. O paciente típico apresenta inflamação em articulações, pequenas manchas nas áreas da pele mais expostas ao sol, febre, cansaço entre outros.banner_lateral-lupus-1

Mulheres são alvo – Estudo realizado por um grupo de pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) revelou que no período de 2002 a 2007 foram internados em 24 hospitais alagoanos um total de 578 pacientes com lúpus.

O problema é que desse total nada menos que 90,3% eram mulheres e apenas 9,7%, homens. Segundo o levantamento, mulheres na faixa dos 30 anos foram as que mais recorreram à internação por causa da doença. Os números estão em sintonia com os da Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR), que estima 65 mil casos de lúpus no Brasil, sendo 90% mulheres. Já o Grupo de Apoio a Pessoas com Lúpus calcula 4 mil portadores em Alagoas.

O problema do lúpus é que ele age como um camaleão, apresentando sintomas similares ao de outras doenças, dificultando o diagnóstico. Os pesquisadores ainda não conseguiram determinar com precisão os fatores que levam ao lúpus, o que impede ações preventivas. “Ainda não existe um tratamento único para a doença. A terapêutica dependerá dos sintomas e de sua intensidade”, concluiu Christopoulos.

 

Deixe o seu comentário