3 de fevereiro de 2016 • 12:00 pm

Maceió

Maceió está se transformando na capital mais suja do Brasil

Em meio a sujeira por toda parte, os focos do Aedes Aegypti se proliferam ameaçando a saúde da população

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
A sujeira impera em todas áreas

A sujeira impera em todas áreas

O descaso da administração de Rui Palmeira (PSDB) com  a limpeza pública está transformando Maceió na capital mais suja do País, segundo constatou o vereador Silvânio Barbosa (PSB).

sujeira sininbu

Sujeira no centro da cidade

A situação chegou a tal ponto que em cada canto da cidade um ponto de lixo prolifera. E esta, para o vereador, é uma situação triste uma vez que os casos de ,Dengue, Zika e Chikungunnya se espalham pela cidade, graças à sujeira que facilita o surgimento de ferramentas de hospedagem do mosquito aedes aegypti.

Esta não é apenas uma constatação do vereador, mas grande parte a população tem reclamado da sujeira em Maceió e da falta de compromisso da gestão atual com a limpeza pública.

Entulhos por toda parte

Entulhos por toda parte

Na via Expressa, bem em frente ao Tribunal da Justiça Federal, um ponto de lixo recheado de pneus, latas velhas, entre outros entulhos permanece no local há várias semanas. Os moradores da área já reclamaram na Superintendência de Limpeza Pública, mas nada foi feito até então.

Nas áreas nobres a situação é a mesma. O foco da Prefeitura tem sido pintar de vermelho o corredor de bicicletas na orla da Pajuçara, segundo afirmou Antonio Jorge de Oliveira, morador Village Campestre, onde, segundo ele, o lixo e o esgoto a céu aberto está em todas as ruas.

No Centro –  Enquanto isso, no centro da cidade, em plena Praça Sinimbu, outro ponto de lixo se eterniza diante da omissão da gestão. Entulhos e descarte de resíduos em geral em uma área que já foi um dos maiores cartões postais da cidade.

Deixe o seu comentário