10 de Maio de 2016 • 4:59 pm

Cultura

Maceió realiza 24º Festival de Bumba Meu Boi neste final de semana

Um dos principais eventos da cultura popular de Maceió, o Festival de Bumba Meu Boi acontece em sua 24ª edição, na próxima sexta-feira, 13, e no sábado, 14.

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Bumba meu boi ANDERSON MOREIRA (37)

Tigre, da Ponta da Terra. Foto Anderson Moreira

DRAGÃO_FOTO_ANDERSON MOREIRA (252)

Dragão. Foto Anderson Moreira

Um dos principais eventos da cultura popular de Maceió, o Festival de Bumba Meu Boi acontece em sua 24ª edição, na próxima sexta-feira, 13, e no sábado, 14.  Um total de 22 grupos levarão para a arena diversos enredos, envolvendo temas locais e universais. O evento acontece em área a ser montada no estacionamento de Jaraguá,  e as apresentações estão programadas para começar às 7h da noite.
Com capacidade para receber um público estimado em aproximadamente 20 mil pessoas, como tem sido registrado nos últimos anos, a arena vai estar preparada para receber, na noite de sexta-feira, os 12 bois que fazem parte da Série B, ou Grupo de Acesso e, no sábado, os 10 integrantes da Série A, ou Grupo Especial. Todos devem se apresentar para a comissão julgadora, que vai analisar quesitos como evolução do vaqueiro, evolução do boi, bateria, conjunto, beleza do boi, fantasia e entoada.
Apesar da grandiosidade dos espetáculos, principalmente quando da entrada do grupo na arena, apenas os quesitos determinados no regulamento do concurso é que são avaliados. Mesmo assim, os integrantes dos bois prometem emocionar e animar o público com os enredos. Tem grupo que promete fazer o boi “voar” e outros levarem figuras em grandes proporções, como já pode ser visto na edição passada. De acordo com o presidente da Liga dos Bois, Joel Ferreira, os grupos chegam a envolver em média 200 pessoas entre produção e apresentação.
Entre os temas definidos para as apresentações, estão “África onde nasceu o rei” com o boi Vingadores; “Com a sanfona na mão me tornei o rei do baião: viva Luiz Gonzaga” com o boi Cobra Negra; “Do coração da mata para a arena do boi… os mistérios do folclore de uma raça pedem passagem” com o boi Cão de Raça e “A minha cidade canta e encanta, assim é Maceió” com o boi Bumbá, entre outros. Cada espetáculo tem 30 minutos de duração, conforme o cronograma do concurso.
E para assegurar a beleza e o show do bumba meu boi, os 22 grupos se dedicaram durante aproximadamente 10 meses e prometem mais uma vez manter a tradição cultural em alta e fortalecida na comunidade, principalmente nos bairros onde o folguedo se mantém presente com força, entre os quais Ponta da Terra, Vergel do Lago, além de Jacintinho, Poço, Jatiúca, Cruz das Almas e Vale do Reginaldo.
“E bom reforçar que a própria comunidade é a principal incentivadora do evento e que tem mantido a tradição por amor ao folguedo”, destaca Keyler Simões, diretor de produção da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC) da Prefeitura de Maceió.
O tradicional festival anual é realizado em pela Prefeitura de Maceió e Governo do Estado através da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC) e Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) em parceria com a Liga dos Grupos de Bumba Meu Boi de Maceió e conta ainda com apoio cultural do banco Bradesco.

Confira abaixo os grupos participantes do evento:
Série B – Sexta – 13 de maio de 2016

1.       Águia – Vergel
2.       Águia de Ouro – Ponta da Terra
3.       Africano – Cruz das Almas
4.       Bumbá Guerreiro – Jacintinho
5.       Amizade – Conjunto Virgem dos Pobres
6.       Trovão – Conjunto Virgem dos Pobres
7.       Fênix –  Conjunto Virgem dos Pobres
8.       Imperador – Jatiúca
9.       Talismã – Conjunto Virgem dos Pobres
10.   Dragãozinho – Ponta da Terra
11.   Treme-Terra – Ponta da Terra
12.   Cascavel – Conjunto Joaquim Leão

Série A – Grupo Especial – Sábado – 14 de maio de 2016
1.       Lacrau – Poço
2.       Cobra Negra – Jatiúca
3.       Dragão – Ponta da Terra
4.       Cão de Raça – Jacintinho
5.       Tigre – Ponta da Terra
6.       Bumbá Alagoano – Ponta da Terra
7.       Rei Bumbá – Jacintinho
8.       Vingador – Ponta da Terra
9.       Bumbá Anaconda – Ponta da Terra
10.   Águia Dourada – Reginaldo

Ascom FMAC

Deixe o seu comentário