5 de Maio de 2016 • 4:16 am

Blogs » Fátima Almeida

Maceió sem pardais: Equipamentos serão desligados nesta quinta-feira

Equipamentos seriam desligados a 0h desta quinta-feira, segundo confirmou a Prefeitura de Maceió.

Por: Fátima Almeida
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

PC2

Os pardais suspeitos em Maceió.

Os pardais suspeitos em Maceió.

Sorria. Você não está mais sendo filmado. Não pelos chamados ‘pardais eletrônicos’ instalados pela Prefeitura de Maceió para intensificar a fiscalização do trânsito – muito mais vistos como instrumentos a serviço da indústria de multas.

Por recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE/AL), eles estarão desligados a partir desta quinta-feira (5). E o motivo não tem muito a ver com as reclamações dos motoristas – que foram muitas – mas com os indícios de vícios no contrato firmado entre a Prefeitura de Maceió e a empresa Velsis Sistemas e Tecnologia Viária S/A, responsável pela instalação e manutenção dos equipamentos.

As irregularidades foram apontadas em parecer do procurador do Ministério Público de Contas, Rodrigo Cavalcante, que fundamentou a decisão do conselheiro do Tribunal de Contas, Fernando Toledo, relator do processo, em mandar o Município suspender o contrato e pagar à empresa apenas o que deve até agora – relativo apenas ao período em que o convênio esteve ativo.

Os equipamentos foram instalados no começo do ano, em 10 pontos da cidade, distribuídos entre as avenidas Durval de Goés Monteiro, Fernandes Lima, Menino Marcelo, Álvaro Otacílio e Governador Afrânio Lages – conhecida como Leste/Oeste. E desde o final de fevereiro estão ativos, registrando multas.

Em nota, o Município disse apenas que cumprirá a decisão e que, em relação ao contrato e à suspeição de irregularidades, vai apresentar sua defesa perante a Corte de Contas de Alagoas, conforme lhe faculta a Lei.

E confirmou que em respeito à  decisão do TC/AL, a fiscalização eletrônica já implementada será suspensa a partir da 0h desta quinta-feira (05).

Portanto, está valendo!

Deixe o seu comentário