31 de julho de 2015 • 9:10 am

Cotidiano

Marechal Deodoro: obras saneamento ajudam a despoluir praia e lagoa

Prefeito destaca parceria com o governo do Estado e Funasa e diz que investir em saneamento é prevenir a saúde pública.

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Saneamento é investimento em saúde

Saneamento é investimento em saúde

Com mais de 15 km de extensã, o sistema de esgotamento sanitário de Marechal Deodoro,  na região urbana, irá beneficiar a mais de 45 mil habitantes, segundo anunciou o prefeito Cristhiano Matheus, após o lançamento da ordem de serviço da obra a ser realizada em parceria com o governo do Estado.

Dentro desta parceria, a Prefeitura já inaugurou o saneamento do esgotamento sanitário do bairro do Francês, considerado pelo prefeito, um grande benefício para a hotelaria, o turismo, a comunidade residente, para o usuário da praia, para o alagoano.
A obra no centro urbano de Marechal, orçada em R$ 15 milhões, interfere inclusive na despoluição da Lagoa Manguaba. “O sistema irá ajudar muito a Lagoa Manguaba. O tratamento de dejetos já está sendo importante para a praia do Francês. Agora, beneficiará a todos que tiram seu sustento da lagoa”, disse o prefeito  Cristiano Matheus.

As duas redes de Marechal Deodoro contaram com o investimento da Fundação Nacional de Saúde (Funasa). O Estado participa com a contrapartida. Na solenidade desta quarta, o superintendente da Funasa, Roosevelt Patriota, apresentou a perspectiva da fundação para a cidade.
“Vamos universalizar o sistema de água e de esgotamento do município de Marechal Deodoro. Teremos água e esgoto tratados para todos os cidadãos dessa cidade”, contou Roosevelt Patriota.

As obras de esgotamento sanitário são coordenadas pela Secretaria da Infraestrutura. A titular da pasta, Maria Aparecida Machado, revelou os destaques entre as ações.

“Esgotamento sanitário e abastecimento de água são prioridades do governo. Quando projetos na área de esgotamento sanitário são executados, melhoramos a vida da população”, observou a secretária.

 

Deixe o seu comentário