23 de novembro de 2016 • 6:53 am

Economia » Educação

Matrículas: Mensalidade escolar deve subir acima da inflação

Reajuste médio deve ficar entre 8% e 11%. O acumulado do IPCA é 7,87%

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Com a chegada do fim do ano, as famílias já começam a pensar na escola dos filhos para o ano que vem. A hora, portanto, é do planejamento de contas, visando as matrículas e o material escolar, diante de um orçamento doméstico cada vez mais apertado.

O pior é que um levantamento nacional feito pelo Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de São Paulo (Sieeesp), revela que o aumento médio das mensalidades no País deve ficar entre 8% e 11%. escola-300x216

Trata-se do segundo ano consecutivo em que os aumentos ficam acima da inflação – o acumulado dos últimos 12 meses chegou a 7,87% em outubro, segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

No ano passado, levantamento da entidade apontou que o reajuste médio nas mensalidades foi de 12%, quando a inflação do ano fechou em 10,67%.

Mas, a entidade responsável pelos dados coletados no mercado diz que é  preciso entender que cada escola tem uma realidade. Assim sendo, cada uma faz o reajuste de acordo com a sua realidade. Sobretudo por que diante de uma conjuntura de crise econômica é prudente não elevar acima da média os preços, sob pena de ficar sem a clientela pretendida.

 

 

 

 

Deixe o seu comentário