3 de março de 2016 • 11:00 am

Política

Maurício Quintella vota favorável a Eduardo Cunha na comissão de ética

Deputado alagoano se une a bancada defensora da continuidade de Cunha na Câmara

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Envolvido em um esncândalo que monta U$ 5 milhões de dólares em propinas, segundo a Procuradoria Geral da República  (PGR), o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) trava a Comissão de Ética da casa e com o apoio do deputado federal alagoano Maurício Quintella (PR).

Quintella: Pró Cunha

Quintella: Pró Cunha

Quintella foi um dos parlamentares que votou favorável a Cunha na comissão e, portanto, contra o processo de cassação instituído pela Comissão de Ética. O deputado é o único representante de Alagoas na Comissão de Ética.

Mas se Eduardo Cunha tem boa vida na Câmara, apesar da corrupção a olhos vistos, no Supremo Tribunal Federal ele está processado como réu, depois que a maioria dos ministros do STF decidiu receber a denúncia da PGR contra ele, nesta quarta-feira, 02.

O relator da denúncia contra o presidente da Câmara, ministro Teori Zavascki, votou  favoravelmente à abertura de processo criminal no STF imputando ao parlamentar os crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

A acompanharam o voto do relator os ministros Cármen Lúcia, Luiz Edson Fachin, Rosa Weber e Marco Aurélio Mello. Os outros ministros ainda não votaram. Apesar de a maioria ter anunciado os votos, o resultado ainda não é oficial.

 

Deixe o seu comentário