10 de maio de 2017 • 8:45 am

Cotidiano » Policia

Megaoperação do Gecoc desarticula quadrilha de roubo e tráfico de drogas

Sob a coordenação da Deic e Delegacia de Roubo de Cargas, policiais de Alagoas e Pernambuco cumprem 49 mandados de buscas e prisões expedidos pela 17ª Vara da Capital

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Operação começou de madrugada e já apreendeu grande quantidade de produtos, armas e munições (Cortesia SSP)

Investigações do Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc) e da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), por meio da Delegacia de Roubo de Cargas, levaram  policiais de Alagoas e Pernambuco a campo, na madrugada desta quarta-feira, numa megaoperação para desarticular uma quadrilha interestadual de roubo e tráfico de drogas. A operação envolve, além de outros batalhões e delegacias, unidades especializadas como o Bope, Tigre e Grupamento Aéreo.

Eles cumprem 49 mandados expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital, sendo 26 de busca e 23 de prisão – dos quais 7 estão sendo cumpridos dentro dos presídios, ou seja, são representação contra reeducandos do sistema prisional, cuja participação no grupo criminoso foi detectada durante as investigações.

De acordo com a assessoria da Secretaria de Segurança Pública, os alvos são considerados de grande articulação e periculosidade no mundo do crime nos estados de Alagoas, Bahia, Paraíba, Pernambuco e Sergipe. Eles teriam envolvimento com roubos diversificados, incluindo cargas e agências bancárias, e conexão com o tráfico de drogas.

A operação foi definida na terça-feira (8), em reunião na SSP, com a participação de investigadores do Gecoc, da Deic e da Secretaria de Segurança de Pernambuco.

A operação é coordenada pelos delegados Mário Jorge Barros (diretor da Deic) e Guilherme Iusten , da Delegacia de Roubo de Cargas.

A operação não tem hora para acabar. Ainda não se tem o número de mandados cumpridos até agora. Fotos do material apreendido, divulgadas pela assessoria da SSP, mostram armas, munições e uma grande quantidade de produtos atribuídos a roubo de cargas.

De acordo com a SSP, todos os presos e o material apreendido serão trazidos para Maceió.

Deixe o seu comentário