30 de setembro de 2016 • 10:13 am

Economia

Microempreendedores dominam mercado de novas empresas em Alagoas

Dificuldades da economia favorecem as MEI para a geração de emprego e renda no Estado

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Os Microempreendedores Individuais (MEI) estão dominando o mercado de empresas em Alagoas, segundo dados da Junta Comercial. Durante o mês de agosto quase 1.600 empresas foram criadas no Estado, sendo que 79% são microempreendedores.

Na nova fase da economia brasileira, sem espaços para grandes investimentos, o mercado para MEI tem sido oportunizado como forma de geração de emprego e renda. É o momento da superação com base na criatividdade e da capacidade de produção, principalmente dos jovens.

De acordo com os dados, segundo maior quantitativo são as microempresas (ME), mas apenas com 243 negócios constituídos. Em sequência, estão as empresas de pequeno porte (EPP), com 44 constituições, e os empreendimentos considerados sem porte, com 46 empresas abertas.

Ainda segundo a Junta Comercial, entre as seções de atividade que mais registraram aberturas, o setor de comércio segue como o que mais constituiu empresas no ano, com 732 em agosto. Outros setores que estão entre as principais seções de atividade nas aberturas do mês estão indústrias de transformação com 165 aberturas, alojamento e alimentação (170) e outras atividades e serviços (94).

 

 

 

Deixe o seu comentário