2 de junho de 2017 • 5:33 pm

Segurança

Militares querem intermediação do TJ para negociação de aumento salarial

Entidades enviam ofício ao Presidente do TJ/AL para acelerar o processo

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

As entidades de classes de soldados, cabos e oficiais da Polícia Militar e dos Bombeiros, reunidas, decidiram encaminhar ofício ao Presidente do Tribunal de Justiça (TJ), desembargador Otávio Leão Praxedes, pedindo a intermediação do TJ junto ao governo do Estado para a revisão anual dos subsídios de todos os militares

O ofício das entidades enviado ao TJ

alagoanos.

A revisão dos subsídios tem base em decisão tomada pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

O ofício foi protocolado na sede do Tribunal no dia 30, terça-feira passada, na expectativa de que o presidente da corte ampare a causa do reajuste salarial da corporação.

Hoje há uma certa preocupação entre militares e bombeiros com a questão, principalmente depois que o governador Renan Filho (PMDB) disse em entrevista que ainda não tem nada definido com relação aos reajustes salariais das diversas categorias de servidores públicos.

Diante do frenesi que tomou conta dos militares, os dirigentes da entidades que subscreveram o ofício ao Tribunal aguardam que o presidente da corte se manifeste sobre a questão o quanto antes, para que todos possam sentar à mesa e negociar a questão com o governo.

 

Deixe o seu comentário