28 de Março de 2017 • 10:40 am

Política

Moeda de troca leva prefeitos tucanos para o PMDB, diz Claudionor

Segundo o secretário tucano esse é um filme antigo

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Na guerra política que começa a se estabelecer no Estado, com o foco em 2018, o PSDB já acusa o PMDB alagoano de aliciar prefeitos de sua legenda.

Claudionor: pode ter chapa própria.

Para o secretário geral tucano , Claudionor Araújo, esse é um  filme antigo, considerando que “o PMDB começa a reprisar um filme que os alagoanos já assistiram. Em 2006, João Lyra aliciou 90 prefeitos e perdeu a eleição no primeiro turno”.

Segundo Claudionor, os prefeitos que estão deixando o PSDB têm recebido promessas como moedas de troca para a eleição de 2018. “É escandalosa a pressão que o PMDB está fazendo”, denuncia o tucano, lamentando que esses prefeitos tenham se deixado envolver.

“Mas não são essas investidas que vão fragilizar o PSDB”, garante Claudionor, salientando que o partido continua firme e com densidade eleitoral para 2018. “Fomos campeões de votos em 2016 e estamos preparados para repetir essa performance na próxima eleição”, acrescenta.

Para Claudionor, foi exatamente a vitória do PSDB na eleição do ano passado que provocou a “ira” do PMDB. “Ganhamos com trabalho e com propostas e continuaremos a vencer nas urnas dessa forma”, afirma o tucano. “Não vamos nos intimidar”, assegura.

Deixe o seu comentário