8 de agosto de 2016 • 5:31 pm

Brasil » Esportes

Mulher negra e brasileira: Rafaela é ouro olímpico no Judô

Ela conquista o primeiro ouro do Brasil nas Olimpíadas

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A judoca brasileira Rafaela Silva derrotou a mongol Sumiya Dorjsuren na decisão do judô e conquistou o ouro na categoria até 57 quilos.Rafaela: primeiro ouro do Brasil.

Antes ela havia vencido a romena Corina Caprioriu com wazari, no golden score.

Mais cedo ela havia derrotado a húngara Hedvig Karakas para chegar à semifinal, também com um wazari.

Na sequência de lutas, ela já havia vencido a sul-coreana Kim Jandi, número 2 do mundo no ranking, e a alemã Myriam Roper, com um ippon.

Desabafo – Nascida em uma favela carioca Rafaela Silva começou a lutar dentro de um projeto social no Rio. Após a vitória, ela desabafou fortemente: “Treinei muito depois de Londres porque não queria repetir o sofrimento. Depois da minha derrota, muita gente me criticou, disse que eu era uma vergonha para minha família, para meu país. E agora sou campeã olímpica”, disse Rafaela logo depois da luta. “Em 2014 eu estava desacreditada, mas agora eu vim e treinei o máximo que eu podia e meu resultado veio através dos meus treinamentos. O ginásio chegava a tremer e eu consegui contribuir”.

Rafaela, a campeã foi discriminada, mas perserverou enquanto atleta na própria favela da Cidade de Deus. Agora o Brasil se rende a campeã. E só agora.

Deixe o seu comentário