4 de julho de 2016 • 10:26 pm

Brasil » Política

Na sombra da Lava Jato, Senado quer votar projeto que pune as autoridades

Segundo o senador Cristovam Buarque o projeto tem o objetivo de barrar a operação Lava jato

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Um grupo de senadores quer retirar da pauta de votações o projeto de lei que pune o abuso de autoridade por parte de delegados, promotores, procuradores, juízes, desembargadores e até ministros de tribunais superiores. O tema está em tramitação há sete anos e só agora, às vésperas do recesso, a direção do Senado pretende  votá-lo até a quarta-feira (13) próxima semana, antes do recesso parlamentar do meio do ano.

“Este projeto não pode sequer tramitar. Passa a impressão de que o Senado quer barrar a Lava Jato”, disse o senador Cristovam Buarque (PPS-DF).

O projeto faz parte do pacote com nove emendas e projetos de lei escolhidos pela mesa diretora do Senado e anunciado na semana passada como agenda proposta a ser votada como prioridade.

O primeiro na lista é o que pune abuso de autoridades. O senador Renan Calheiros justificou a inclusão do tema na lista com a pressão feita pelo ministro Gilmar mendes, do Supremo Tribunal Federal, atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral.

“É estranho que este assunto seja colocado na pauta agora”, disse Cristovam, por meio das redes sociais.

Deixe o seu comentário