22 de Janeiro de 2018 • 6:41 pm

Blogs » Marcelo Firmino

Nova lista da Uncisal nesta terça não apaga lambança na instituição

Eis uma questão que requer olho vivo do MPE diante da patacoada do listão de aprovados

Por: Marcelo Firmino
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A confusão estabelecida no resultado do vestibular da Uncisal depõe completamente contra a organização do concurso. A anulação do resultado proclamada nesta segunda-feira, 22, deixou perplexa a direção da instituição de ensino e colocou em cheque o nível de competência do instituto gaúcho AOCP que aplicou as provas e fez a lambança na hora de anunciar os alunos aprovados.

Em coletiva, o reitor da Uncisal, professor Henrique Costa disse que foi surpreendido com o cancelamento do resultado e anunciou que uma nova lista de aprovados será divulgada nesta terça-feira, 23.

O problema é que a emenda pode ser pior que o soneto mal escrito, por que agora está em questão a credibilidade do processo, diante da patacoada de realizadores e gestores nessa história.

Direção promete nova lista nesta terça-feira.

Eis uma questão para uma apuração mais rigorosa por parte das instituições fiscalizadoras como o Ministério Público Estadual (MPE), considerando que está em jogo o interesse público.

Não basta o reitor anunciar uma nova lista. E se os nomes anunciados na primeira resolverem questionar a segunda? É um direito.

Portanto, aí está uma história que transcende à vontade e a decisão do reitor. A sociedade vai cobrar organização, transparência e respeito nesse caso, uma vez que está em jogo a formação profissional de centenas de jovens que buscam um histórico educacional decente na academia.

Não basta uma nota pedindo desculpas a estudantes e familiares. É fundamental uma apuração rigorosa dos fatos em nome da honorabilidade da instituição alagoana.

 

 

 

Deixe o seu comentário