3 de Maio de 2017 • 10:38 am

Política

Novo presidente do PT diz que onda fascista atua na criminalização do partido

Bacharel Marcelo Nascimento é o novo presidente do PT Maceió

Por: Marcelo Firmino
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Eleito presidente do Diretório Municipal do PT, em Maceió, o bacharel Marcelo Nascimento, disse que a conjuntura política atual representa um desafio enorme, considerando que uma crescente ala da sociedade, adepta ao fascismo tem  atuado de forma afrontosa em um processo de criminalização do Partido dos Trabalhadores.

Nascimento: o novo líder do PT/Maceió

Segundo ele, as reformas trabalhista e previdenciária simbolizam essa tendência dos novos tempos fundamentalistas do segmento que assumiu o comando do País, com o apoio da Fiesp e dos banqueiros.

Para o novo dirigente petista, o partido não pode ter receio de lutar por uma agenda progressista, como a ampliação da participação das mulheres e dos jovens na política e da defesa inabalável dos direitos da população LGBT.

Disse Marcelo Nascimento que a principal tarefa agora é derrotar o golpe e eleger Luis Inácio Lula da Silva, presidente da República em 2018. Destacou que o PT nasceu de um sonho socialista e que esse sonho continua cada vez mais presente nas estratégias de luta da militância.

Marcelo Nascimento foi eleito presidente do Diretório Municipal do PT com 62% dos votos, contra 38% dados a oponente, professora Sandra Lyra.

Deixe o seu comentário