26 de setembro de 2016 • 2:42 pm

Maceió

Núcleo da Defensoria Pública na ALE já está em pleno funcionamento

Atendimento ao público acontece de segunda-feira a sexta-feira, a partir das 11 horas

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Foto: Ascom ALE

Foto: Ascom ALE

O núcleo da Defensoria Pública, na Assembleia Legislativa, já está em pleno funcionamento, com atendimento ao público de segunda-feira a sexta-feira, a partir das 11 horas. A parceria firmada há cerca de três semanas, entre a Defensoria Pública Estadual e o Legislativo, oferecerá ao cidadão assistência jurídica integral e gratuita, especialmente aquelas em situação de vulnerabilidade econômica. Estão sendo ofertados diversos serviços jurídicos, desde o direito de família, passando pelo direito de saúde e penal e todas as outras áreas alcançadas pela Defensoria.

De acordo com o assessor da Defensoria Pública, Roberto Lemos, o núcleo tem sido bastante procurado por servidores da Casa e por visitantes dos gabinetes dos parlamentares. Ele contou que, a princípio, ainda não foi definido o público alvo a ser atendido pelo núcleo, no entanto, garantiu que todos serão atendidos. “Estamos aqui para acolher a população de uma forma geral. Obviamente não iremos negar nenhum atendimento, porém aquilo que não for da nossa competência daremos as informações necessárias e encaminharemos para o local correto”, informou Lemos. “A nossa expectativa é de que a demanda será grande, assim como ocorre em todos os núcleos”, disse o assessor da Defensoria Pública, acrescentando que, a partir do próximo dia 4 de outubro, serão realizadas visitas aos gabinetes dos deputados para uma maior divulgação do serviço.

O presidente da Casa, deputado Luiz Dantas, destacou que o convênio trará melhorias para a população alagoana sendo mais uma iniciativa da atual Mesa Diretora, no sentido de aproximar a população do Legislativo. “Várias pessoas precisam dos serviços da Defensoria e a Assembleia Legislativa de Alagoas, como é o Poder do povo, constituiu um espaço, que será colocado à disposição daqueles que não têm condições de pagar um advogado e necessitam de serviços jurídicos”, declarou o chefe do Legislativo.

Deixe o seu comentário