19 de fevereiro de 2017 • 6:34 am

Carnaval » Maceió

O Pinto não entrou na avenida, mas cantores arrastaram os foliões

O bloco não desfilou, mas os “puxadores” fizeram a festa com muita gente animada

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O sábado, 18, de pré-carnaval não ficou completo pela ausência do Pinto da Madrugada, bloco tradicional que a cada ano arrastava a multidão na orla de Maceió. Mas, ainda assim o bloco foi lembrado pela equipe de puxadores comandada pela maestrina Fátima Menezes.

Os cantores do Pinto na “frevioca’.

Em uma “frevioca”, cantores desfilaram arrastando um bom número de foliões na avenida, entre eles, o governador do Estado, Renan Filho (PMDB), como apoiador da iniciativa.

O grupo que desfilou para homenagear o Pinto da Madrugada fez a festa do carnaval na expectativa da volta do bloco no próximo ano, principalmente por que o bloco foi criado com a missão de promover a concepção do carnaval das fantasias, da harmomia e beleza na avenida, com segurança e serenidade es espíritos.

Os cantore puxam os foliões saudosos do Pinto

Até o governador Renan Filho na “saudade” do Pinto.

-O Pinto da Madrugada não pode dar adeus ao carnaval. É preciso um esforço concentrado de todos, desde as instituições de governos interessadas em promover o carnaval até o dirigentes do bloco, para nçao deixarem o bloco morrer depois de tantos desfiles memoraveis que foram realizados. – Disse a maestrina.

Deixe o seu comentário