30 de abril de 2017 • 6:35 pm

Esportes

Olha ele! Neto Baiano marca e CRB vence CSA no primeiro jogo da final

Atacante, que voltou a ser protagonista do Clássico das Multidões, garantiu a vitória por 1 a 0 do Galo Praiano; No próximo domingo, time alvirrubro joga pelo empate.

Por: Vinicius Firmino
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Apesar do baixo nível técnico, o clássico foi jogado com muita vontade. (Foto: Alisson Frazão)

Os primeiros 90 minutos da final do Campeonato Alagoano deu CRB. E a história foi bem parecida como a final de 2016. O atacante Neto Baiano, mais uma vez, foi o protagonista do jogo, marcando o gol da vitória, por 1 a 0, na tarde deste domingo, 30, no Estádio Rei Pelé.

Agora o Galo Praiano joga, no próximo dia 7 de maio, por um empate para se consagrar tricampeão alagoano. O CSA precisa vencer por dois gols para garantir o título. Caso os mandantes vençam por um gol de diferença, haverá prorrogação e, se o resultado persistir, o confronto irá para os pênaltis.

Foi mais um jogo de baixo nível técnico e vontade de sobra. Muitos erros e poucos acertos. Inclusive, o único gol nasceu de uma falha feia da defesa azulina. Após tiro de meta cobrado pelo goleiro do CRB  Juliano a bola sobrou para Neto Baiano, que aparece sozinho tocando a bola por cima do goleiro Jeferson.

Artilheiro azulino, Everton Heleno, recebeu o terceiro cartão amarelo e não joga próximo domingo. (Foto: Alisson Frazão).

Suspenso – Para o jogo do próximo domingo a ausência certa é a do volante Everton Heleno. O atleta ainda no primeiro tempo recebeu o terceiro cartão amarelo. O técnico Oliveira Canindé tem Marcos Antônio e o Panda como opções para substituir o artilheiro da equipe.

Ficha técnica

Campeonato Alagoano (Final – Jogo de Ida)

Jogo: CRB 1 x 0 CSA

Gol: CRB – Neto Baiano aos 45′ do 1T

Cartões Amarelos: CRB – Flávio Boaventura e Gabriel; CSA – Celsinho e Everton Heleno

Local: Estádio Rei Pelé, Maceió/AL

Data: 30/04 (domingo)

Hora: 16h

Escalações

CRB

1- Juliano
2- Marcos Martins
3- Flávio Boaventura
4- Gabriel
6- Diego
5- Adriano
8- Yuri
7- Edson Ratinho
10- Chico
11- Maílson
9- Neto Baiano

Técnico: Léo Condé

Banco: 12-Bruno, 13-Audálio, 14-Adalberto, 15-Jorginho, 16-Jefferson Recife, 17-Clebinho, 18-Jocinei, 19-Elias, 20-João Paulo, 21-Emaxwell, 22-Danilo Pires e 23-Cris.

CSA

1- Jeferson
2- Celsinho
3- Thales
4- Douglas Marques
6- Rafinha
5- Dawhan
8- Everton Heleno
7- Vanger
10- Daniel Costa
19- Didira
9- Cleyton

Técnico: Oliveira Canindé

Banco: 12-Cajuru, 13-Denílson, 14-Rayro, 15-Leandro Souza, 16-Matheus, 17-Panda, 18-Marcos Antônio, 20-Alex Henrique, 21-Jacó, 22-Jeam e 11-Cassiano.

Arbitragem

Árbitro: Wágner do Nascimento Magalhães (FIFA/RJ)

Auxiliar 1: Wagner José da Silva (CBF/AL)

Auxiliar 2: Ana Paula dos Santos (FAF)

4º árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (CBF/AL)

5º árbitro: Benilson dos Santos Silva (FAF)

 

Deixe o seu comentário